PF faz operação contra quadrilha que fraudava Previdência

Rio de Janeiro – A Polícia Federal deflagrou hoje, no Rio de Janeiro, a Operação Teníase, para desarticular quadrilha envolvida em fraudes contra a Previdência Social. Os agentes cumprem 33 mandados de prisão e 81 mandados de busca e apreensão. 
 
De acordo com a assessoria de imprensa da PF, a operação está sendo realizada em conjunto com o Ministério Público Federal e a Previdência Social. 
 
As investigações apontaram que os envolvidos obtinham benefícios irregulares em agências da Previdência do Bairro de Fátima, em Niterói, e de Itaboraí, ambas na região metropolitana, de Copacabana e do Cosme Velho, na zona sul da capital, e de Teresópolis, na região serrana. 
 
A apuração preliminar apontou ainda que os ilícitos geraram prejuízos de pelo menos R$ 7 milhões por mês.
 
Para dar outras informações sobre a operação, haverá entrevista coletiva às 11h, na sede da Procuradoria da República no Rio, com o superintendente da PF no estado, delegado Ângelo Fernandes Gioia, e o procurador da República Carlos Alberto Aguiar.
 
 
 
Agência Brasil

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.