PF confirma detenção de grupo suspeito de cometer crime eleitoral

Após denúncia, três pessoas foram detidas pela Polícia Federal neste domingo (31) em João Pessoa (PB) sob suspeita de pagamento de combustível para o transporte de eleitores.

O grupo denunciado foi encaminhado à superintendência da Polícia Federal em Cabedelo para prestar depoimento. Até as 14h40, as pessoas eram interrogadas e, segundo a PF, deveriam ser liberadas, já que não houve flagrante. Um inquérito policial será aberto para investigar a denúncia.

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que, até as 13h25 deste domingo (31), 77 pessoas haviam sido presas por crimes eleitorais em todo o país.

Ao todo, o Tribunal registrou 149 ocorrências no país, sendo 72 delas sem prisão. Os dados foram repassados ao TSE pelos tribunais regionais. Até o momento, nenhum candidato foi preso.

G1
 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.