Pereira questiona Ricardo e diz que não há diálogo com o PSB de CG

Após as declarações feitas pelo presidente estadual do PSB, Ricardo Coutinho, a um dos jornais do Estado, afirmando que "aliança se faz com os diferentes e não com os iguais”, a respeito da possibilidade de uma aliança com o DEM, o vereador Antonio Pereira rebateu dizendo que “aliança até pode ser feita com os diferentes, mas não se despreza os iguais”.

De acordo com Pereira, é preciso esclarecer alguns pontos com relação à ausência do PSB estadual em relação ao PSB da cidade de Campina Grande. “Está acontecendo um desprezo do prefeito da Capital, em relação ao vereador Antonio Pereira, pois não existe diálogo para fazer o PSB florescer de uma melhor forma. Não assimilei este tipo de discurso, que deixa claro que o que interessa é um campo de força diferente. Existe a necessidade de o PSB de Campina Grande dialogar com o PSB da Paraíba”, ressaltou Antonio Pereira.

O vereador campinense informou também que no processo de fidelidade partidária não existe escolha. “Como vou ser fiel a algo que não construo? Temos que seguir as ideias que construímos no partido”.

Outro ponto discutido por Pereira foi a ausência de encontros e reuniões do presidente do partido Ricardo Coutinho com a bancada do PSB estadual, que não acontecem há mais de 10 meses.

“Apesar de ser membro do partido, não fui convidado para absolutamente nada. Há mais de dez meses que não existe uma reunião. Ele está vindo sim a Campina Grande, mas, com certeza, para outras questões”, disse o vereador Antonio Pereira, que esclareceu também que não está deixando o partido, mas que quer um maior diálogo com os que estão à frente do PSB na Paraíba.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.