Patrick é condenado a prisão perpétua revisável pela morte da família paraibana na Espanha

O brasileiro que matou a família paraibana na Espanha, François Patrick Nogueira Gouveia, de 22 anos, foi condenado pelo júri popular, neste sábado (3), a prisão perpétua revisável e deve cumprir pelo menos trinta anos de detenção. A justiça espanhola deve dar a sentença nos próximos dias e o tio de Patrick e irmão de Marcos, Walfran Campos, informou do resultado ao ParlamentoPB.

Walfran explicou ao ParlamentoPB que a Corte deve apenas confirmar o que já foi decidido pelo júri popular. O julgamento de Patrick começou na quarta-feira (24) e tem se estendido ainda por esta semana. Agora, a família aguarda a decisão da justiça espanhola.

Saiba mais

Tio de Patrick revela tristeza ao ver sobrinho que matou sua própria família, na Espanha

Consta no processo que Patrick se dirigiu à residência dos tios e primos no dia 17 de agosto de 2016 e foi recebido pela Janaína, a quem golpeou pelas costas com facadas no pescoço e depois a esquartejou e colocou seu corpo em sacos plásticos. Ele fez o mesmo com os sobrinhos e, em seguida, com o tio Marcos, que estava fora e foi recebido pelo sobrinho na porta da própria casa.

 

Foto: Agência EFE

 

Comentários