Paraibano Sérgio Queiroz integra comitê de gestão da tragédia de Brumadinho

O secretário Nacional de Proteção Global, o paraibano Sérgio Queiroz, foi indicado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) para fazer parte do comitê de gestão de Brumadinho, em Minas Gerais. O município foi atingido pela lama da barragem de minério da Vale que rompeu nessa sexta-feira (25).

A tragédia deixou pelo menos 11 mortos, segundo número do começo da tarde deste sábado (26), e mais de 400 desaparecidos entre empregados da Vale e moradores da região atingida pela correnteza de lama de rejeito.

Saiba mais

Pelo menos nove morrem e mais de 400 ficam desaparecidos após rompimento de barragem

Justiça de Minas Gerais bloqueia R$ 1 bilhão da Vale após barragem romper

Sérgio Queiroz informou da convocação feita a ele. “Queridos, acabei de ser nomeado pelo presidente para compor o Comitê de Gestão de Reposta à tragedia de Brumadinho. Precisamos de sabedoria para gerir tão grave e triste situação.”

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.