Paraíba gera saldo positivo de 2.082 empregos com carteira assinada em março

O mercado de trabalho paraibano reagiu, positivamente, no terceiro mês do ano, segundo dados da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, com base do novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta quarta-feira (28). Em março, foram criados 12.955 postos contra 10.873 desligamentos, fechando com o saldo positivo de 2.082 vagas.

Os setores de serviços (947 vagas) e comércio (903) concentraram os saldos positivos de março entre as atividades econômicas da Paraíba, enquanto o setor da construção (476) e da agropecuária (24) mantiveram também saldos positivos. Dos cinco maiores setores, apenas a indústria (-268) registrou baixa dos postos de trabalho no último mês.

Cenário Regional – Dos nove Estados do Nordeste, quatro tiveram saldo positivo (BA, MA, RN, PB e CE) e outros quatro negativo (AL; PE; SE e CE) tiveram saldo negativo no mês de março na Região. Já as cinco regiões do país tiveram saldo positivo na geração de emprego, sendo que houve aumento de trabalho formal em 23 das 27 unidades da Federação. Sudeste liderou (103.935), seguido de Sul (49.998). Em terceiro veio o Centro-Oeste (16.559), quarto a região Norte (8.944) e, por último, o Nordeste (4.790).

O Brasil gerou 184.140 novos postos de trabalho em março deste ano, resultado de 1.608.007 admissões e de 1.423.867 desligamentos de empregos com carteira assinada.

VEJA TAMBÉM

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.