Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Pais farão caminhada na orla de Tambaú contra vacinação obrigatória de crianças

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Pais que são contra a obrigatoriedade de vacinação de crianças e defendem a liberdade de escolha realizam, na próxima quarta-feira, 12, às 17h30, uma caminhada ‘Pelo Direito de Cuidar de Nossos Filhos’. O ato acontecerá na praia de Tambaú, em João Pessoa.

A iniciativa é do vereador de João Pessoa, Tarcísio Jardim (Patriota), que tratou de esclarecer que não se trata de um movimento contra a vacina, mas uma postura dos que defendem a liberdade de cada escolher se quer se vacinar, e, ao mesmo tempo, contrário a obrigatoriedade de vacinação de crianças.

“Essa é uma campanha contra a obrigatoriedade de vacinar crianças, única e exclusivamente. A própria fabricante da vacina Pfizer já publicou em seu site, tá lá pra todo mundo que quiser ver , que a vacina das crianças só vai concluir a sua fase de testes em 2026. Na Paraíba inteira, crianças de 5 a 9 anos morreram duas na pandemia. É injustificável a gente vacinar milhares de crianças, a balança custo benefício pesa mais para o risco, então porque obrigar”, explicou o vereador.

Não é campanha contra vacina

“Ninguém aqui é contra a vacina, eu sou vacinado, minha mãe é vacinada, minha esposa é vacinada. Mas porque a gente quer obrigar as pessoas a se vacinarem? Porque obrigar as pessoas a tomarem uma vacina em que os vacinados estão se contagiando, transmitindo e morrendo? Qual é a justificativa de obrigar alguém a vacinar, e o pior, obrigar crianças que estão com seu processo reprodutivo em formação, cardíaco, cerebral, nervoso, então é injustificável. Vários e vários e vários cientistas ao redor do mundo abominam vacinar crianças de 5 a 11 anos , é uma faixa etária fora de risco”, comentou Tarcísio.

Aprovação de outras vacinas demorou décadas

“Então deixa livre, voluntário, quem quiser vacinar vacina, mas quem não quer tenha o direito, isso é liberdade, a gente vive num mundo livre onde os pais e as mães tenham o direito de escolher, e fazer comparação com as vacinas que já existem , não a gente nasceu se vacinando, é nascemos nos vacinando com vacinas que duraram décadas para serem introduzidas e várias delas tiveram erros no meio do caminho que custaram vidas. Eu não quero perder a vida da minha filha por um capricho de uma indústria farmacêutica”, completou o vereador.

 

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Banco do Nordeste nomeia novo superintendente na Paraíba

Prefeito paraibano fala de “infelicidade” de ter filhos autistas e servidora acrescenta: “São doidos”

Anteriores

João Pessoa empreendedorismo e abertura de empresas

João Pessoa lidera rankings nacional e estadual em tempo médio de abertura de empresas

verissinhoaz

Opinião: Vídeo completo não altera “infelicidade” de fala de Verissinho sobre autistas

forummangabeira

Fórum Regional de Mangabeira passa por reformas e adota regime de teletrabalho

bd39780962e9a5c9f1b034003fb21f6e

Convenção para referendar André Coutinho e Camila Holanda em Cabedelo será domingo

chuva

Inmet emite alerta de perigo potencial de vendaval para os 223 municípios da Paraíba

1cdfa7ea-df72-4a1e-b570-434ff0e73d4e

Paraíba firma TAC com MPF-PB e garante segurança jurídica aos investidores do Polo Turístico Cabo Branco

WhatsApp Image 2024-07-16 at 16.03.42 (1)

Greve dos servidores do INSS começa nesta terça

WhatsApp Image 2024-07-16 at 16.04.09

Startup paraibana conquista pódio do Oi Osten Girl Power e conhece Luiza Helena Trajano em SP

WhatsApp Image 2024-07-16 at 16.03.42

Taioba Discos abre sua primeira loja física em João Pessoa nesta quarta

prefeitura-de-joao-pessoa

João Pessoa conquista 1º lugar em Transparência na Região Metropolitana