Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Oswaldo Trigueiro garante a cooperação do MPPB no caso Manoel Mattos

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Representantes da Secretaria Especial de Direitos Humanos (Sedh) se reuniram, na manhã desta sexta-feira (21), com o procurador-geral de Justiça da Paraíba nomeado para o biênio 2009-2011, Oswaldo Trigueiro do Valle Filho, para discutir a federalização das investigações sobre o assassinato do advogado Manoel Bezerra de Mattos Neto. O crime contra o militante dos direitos humanos que denunciou a atuação de grupos de extermínio na fronteira da Paraíba com Pernambuco aconteceu na noite do dia 24 de janeiro deste ano, no município de Pitimbu/PB.

Segundo Oswaldo, a Sedh quer a cooperação dos Ministérios Públicos da Paraíba e de Pernambuco no caso. “Eles nos pediram para analisar com cuidado esse crime, em razão da sua repercussão nacional e internacional. É o estado brasileiro que está em jogo! A Corte Interamericana de Direitos Humanos recebeu várias reclamações e o estado brasileiro está querendo dar uma resposta em relação a isso”, explicou.

O novo procurador-geral de Justiça disse que o MPPB vai se empenhar para que o assassinato de Manoel Mattos não fique impune. “Após a nossa posse (que acontecerá no dia 27 deste mês), iremos enviar todos os esforços para que esse caso possa ter a resposta na dimensão que ele precisa”, garantiu.

O encontro aconteceu na Procuradoria Geral de Justiça, em João Pessoa. Estiveram presentes a procuradora-geral do Ministério Público de Goiás, Ivana Farina Navarrete Pena; Percílio de Sousa Lima Neto, do Conselho de Defesa da Pessoa Humana e Jualiana Miranda, da Sedh.

   
 

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Exaustão, sobrecarga… por que não reconhecemos os nossos limites?

Presidente do PT é acusado de cometer etarismo contra Luiz Couto

Incidente no Restaurante Garden: entenda o que realmente aconteceu

Anteriores

joaobelga

Paraíba terá Centro de Distribuição e fábrica de esquadrias de PVC de empresa da Bélgica

Artêmio Picanço, advogado

Advogado considera “surreal” decisão da Justiça da Argentina pela prisão domiciliar de Antônio Neto; veja

Igreja Matriz de Monteiro

Polícia procura mulher suspeita de furtar dinheiro de ofertas da Igreja Matriz, de Monteiro

PF Operação Rescue

Operação da PF prende homem por armazenar imagens de abuso sexual de crianças

Concurso, freepik 1

MP recomenda retificação de edital do concurso para Guarda Civil de Santa Rita

PF operação Pombo, Objetos encontrados em casa de funcionários dos correios

PF investiga desvio de encomendas dos Correios e apreende objetos em casa de servidor

João Pessoa linda demais, secom pb

João Pessoa é destaque entre os Top 10 Destinos de Viagem para o mês de julho

Fábio Andrade, procurador-geral do Estado

Estado aprova lista de acordos diretos de precatórios com 593 propostas e R$ 78 milhões

Sérgio Moro 22

Por unanimidade, TSE rejeita cassação do mandato de Sergio Moro

Perilo Lucena, juiz

Ação alerta contra abuso e exploração sexual infantil nos festejos juninos de CG