Operação Semana Santa: Polícia prende nove pessoas na região de Campina

A Polícia Civil da Paraíba, em uma ação executada pela 2ª Superintendência de Polícia Civil, com sede em Campina Grande, desencadeou uma operação para dar cumprimento a mandados de prisão e de busca e apreensão em aberto nas seccionais que compõem a superintendência. Já foram nove pessoas presas, entre mandados de prisão e em flagrante e sete armas de fogo apreendidas até o fim da manhã desta quarta-feira (28).

Uma das prisões ocorreu na região da 12ª  Delegacia Seccional, que tem sede na cidade de Esperança. Na manhã da terça-feira (27), foi preso em flagrante José Rodrigues de Sousa, conhecido como “Teco”. Ele é um dos envolvidos no homicídio de Irailton da Silva, conhecido por “Irá”, na cidade de Montadas.  De acordo com a Polícia, as diligências se iniciaram, após a apreensão do celular de um dos suspeitos, no local do crime. Com o aparelho, a Polícia Civil identificou os autores do crime e apreendeu quatro armas de fogo (dois revólveres, uma espingarda cano curto calibre 28 e uma espingarda calibre 12), todas utilizadas no homicídio. A Polícia Civil identificou as pessoas envolvidas no crime, inclusive com provas materiais em desfavor de outros envolvidos. Os presos responderão pelos crime de homicídio qualificado, por associação criminosa e por tráfico de drogas.

Outra prisão foi realizada pela Delegacia de Crimes contra o Patrimônio (Roubos e Furtos) de Campina Grande. Alex Junio dos Santos, de 27 anos, conhecido pelo codinome de ‘Peixe”, é integrante de uma organização criminosa responsável por vários assaltos na zona rural de Campina Grande.

Segundo a Polícia, o suspeito teria roubado uma motocicleta na noite dessa terça-feira (27) no Sítio Lucas, momento em que os investigadores foram acionados e conseguiram realizar a prisão em flagrante e recuperar o veículo. O suspeito foi identificado como ex-prediário. No local da prisão foram encontrados a motocicleta roubada, uma arma de fogo utilizada no assalto, certa quantidade de drogas e material relacionado ao tráfico ilícito de entorpecentes.

De acordo com o superintendente Luciano Soares, o cumprimento dos mandados de prisão e busca e apreensão seguem durante toda esta quarta-feira (28), e faz parte das ações previstas no policiamento da Operação Semana Santa.

Comentários