Carlos Ruiz

Carlos Enrique Ruiz Ferreira é mestre e doutor pelo Departamento de Ciência Política da USP; pós doutor pelo Departamento de Filosofia da USP; professor doutor associado de Relações Internacionais da UEPB. Atualmente é coordenador geral do Centro de Estudos Avançados em Políticas Públicas e Governança, conselheiro do Conselho Estadual de Educação da Paraíba e coordenador-adjunto do curso de Relações Internacionais da UEPB


O MERCOSUL e a Paraíba

“Nuestro norte es el Sur”
Joaquin Torres García

Por iniciativa do curso de Relações Internacionais (RI) e do Centro de Estudos Avançados em Políticas Públicas e Governança (CEAPPG), a UEPB firmou um Convênio com a Secretaria do MERCOSUL na semana passada.

A solenidade ocorreu no último dia 14 de julho na sede do MERCOSUL, em Montevidéu, e contou com a participação do Diretor da Secretaria do MERCOSUL, Luiz Gonzaga Coelho Júnior, do Embaixador Antonio Simões, do diplomata Marcelo Costa e demais funcionários do órgão. De nossa parte, além de mim, esteve presente, representando a Reitoria, o assessor internacional Cláudio Lucena, que assinou o Convênio.

Nosso objetivo maior é promover a integração regional; aproximar a Paraíba dos países e povos do MERCOSUL (que tem como Estados Partes, além do Brasil, a Argentina, Uruguai, Paraguai e Venezuela, esta última hoje suspensa).

Quando olhamos a realidade com lupa, percebemos que nossas identidades são mais pujantes que nossas diferenças. A relativa distância geográfica pode ser encurtada das mais diversas formas, inclusive nos valendo das novas tecnologias, que vieram para ficar.

É importante sublinhar que esta cooperação possui um caráter multidimensional, tendo em vista que a universidade possui variados campos de saber e de atuação, desde a cultura, passando pelas ciências exatas e biológicas, até as ciências humanas. O MERCOSUL, por sua vez, por suas diversas instâncias e grupos de trabalho, também atua de maneira multidimensional, promovendo o desenvolvimento em todos os campos. Logo, o potencial de parcerias é grande.

Do ponto de vista mais imediato, vislumbra-se a possibilidade da mobilidade internacional de professores, técnicos e de nossos estudantes, tanto de graduação quanto de pós-graduação, ao MERCOSUL. Na instituição, gozarão de facilidades de acesso aos documentos, biblioteca, dentre outros.

Além disso, em nosso plano de trabalho está a realização da Semana do MERCOSUL. Nosso intuito será o de promover o conhecimento desta integração regional para toda a comunidade acadêmica e demais interessados, poder público e iniciativa privada. Aliás, a missão da universidade é sempre ir além muros. “Quais são as possibilidades de incremento do comércio exterior da Paraíba com os demais países do bloco?”, “Como o MERCOSUL se tornou um ator relevante para a promoção da Democracia?”, “Quais os gargalos e possibilidades de uma infraestrutura que permita mais integração?”, “Como potencializar outras parcerias com Universidades dos países do MERCOSUL?”, são algumas perguntas que nos servirão de guia.

4 comentários

  • Thiago Abreu
    19:21

    Parabéns pela iniciativa Professor Carlos Henrique.
    Um passo importante para a integração regional e fortalecimento da América do Sul
    Principalmente no tocante a construção da percepção de uma identidade comum e de maiores possibilidades de benefícios para alunos professores e empreendedores

  • Andrea Pacheco Pacifico
    19:21

    Fantástico. Parabéns.

  • kelvin
    19:21

    importante movimentação para UEPB e toda Paraíba

    • Carlos Ruiz
      19:21

      Obrigado Kelvin, a integração regional é uma cooperação internacional em que todas as partes se beneficiam.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.