No Sertão, Ricardo diz que Maranhão “só fala em eleição”

O pré-candidato ao governo do Estado e presidente estadual do PSB da Paraíba, Ricardo Coutinho, disse neste sábado, 10, que a Paraíba passa por um momento de grandes dificuldades devido à falta de comprometimento da atual gestão com o futuro do Estado. “Só se fala em eleição. Todos os pronunciamentos do atual governador miram somente as eleições de outubro, esquecendo-se por completo a obrigação de pensar o futuro da Paraíba”. Ricardo concedeu uma entrevista coletiva à Imprensa de Cajazeiras, que durou cerca de três horas, respondendo, sem censura, a todos os questionamentos que lhe foram feitos.

Ele citou, como exemplo desse cenário vivido hoje pelo Estado, as tentativas de impedir visitas do presidente Lula à Paraíba. “Este é um apenas um exemplo da política sem compromisso com a Paraíba que foi promovida nos últimos anos. Enquanto o presidente Lula visitava constantemente todos os estados do Nordeste, a presença de Lula em nosso Estado eram boicotadas sob ameaças de rompimento político” declarou o socialista.

Ricardo Coutinho enfatizou a necessidade de se impor uma “republicanização” nas relações institucionais na Paraíba. Segundo ele, o Estado atualmente é  governado sob o domínio da perseguição contra os pequenos municípios e as pessoas que discordam do atual modelo político e administrativo.

Para ele, a sociedade precisa participar mais ativamente das discussões que resultem em democratização do orçamento estadual e o na formação de um colegiado para as decisões administrativas. “É preciso dar vez à inteligência paraibana, usar a universidade, sindicatos e associações como a maneira mais democrática para se aplicar os recursos públicos”.

Política – Ricardo Coutinho destacou o apoio que tem recebido do ex-prefeito de Cajazeiras, Carlos Antônio. “Eu tenho pesquisas internas e sei da força política de Carlos Antônio em Cajazeiras e em toda a região”, destacou. Carlos Antônio, presente à entrevista, foi fortemente aplaudido pelos participantes.

Ao ser questionado sobre a ausência do atual prefeito, Léo Abreu, durante a visita que Ricardo está fazendo a Cajazeiras, o pré-candidato respondeu que não cabia a ele comentar as decisões políticas de outras lideranças.

Líderes políticos e empresariais de toda a região prestigiaram a entrevista coletiva, que foi realizada no plenário da Câmara Municipal de Cajazeiras e foi transmitida por várias emissoras de rádio da cidade. Também marcaram presença o prefeito de Santa Helena, Elair Brasileiro (PTB) e o deputado estadual José Aldemir (DEM).

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.