Neta de Lampião fará palestra de abertura do ‘Cangaço Campina’ nesta sexta-feira

A Vila Sítio São João realizará nos dias 22, 23 e 24 de novembro, o evento “Cangaço Campina 2019 – História & Cultura Nordestina”. A palestra de abertura ficará por conta da escritora Vera Ferreira, neta de Lampião, e contará com as presenças de Expedita Ferreira, filha de Lampião; Paulo Brito, filho do Coronel João Bezerra; além de Eliza Dantas, filha do cangaceiro Candeeiro; Jaqueline Rodrigues, neta de Chiquinho Rodrigues; e Patricia Gastão, filha do historiador e pesquisador Paulo Gastão. O evento conta com o apoio cultural do Intercity Hotel, da Universidade Estadual da Paraíba e do Portal Celino Neto.

Vera Ferreira é jornalista e escritora, e desde muito cedo iniciou sua pesquisa sobre a história do Cangaço e dos seus avós. Autora de “Bonita Maria do Capitão”, seu livro mais recente ao lado da jornalista Germana Gonçalves de Araújo, Vera vem percorrendo o Brasil inteiro mostrando a importância que a sua avó Maria Gomes de Oliveira (Maria Bonita) teve dentro do fenômeno do Cangaço.

Vera Ferreira conta que durante sua pesquisa teve contato com muitos ex-cangaceiros e ex-volantes, além de ter conversado com muitos parentes de pessoas que compuseram o cangaço. “As pessoas no sertão respeitavam muito Lampião, inclusive os seus inimigos”, declarou Vera recentemente.

Vera relatou em diversas entrevistas, que no início ela e sua mãe sofreram muito preconceito por serem descendentes do Rei do Cangaço, então, ela resolveu descobrir por si própria quem era Virgulino Ferreira para depois entender quem era Lampião. “Hoje tenho muito orgulho de ser neta de Lampião e Maria Bonita”. Afirma.

As inscrições para o evento são gratuitas e online através do link: https://www.sympla.com.br/cangaco-campina-2019—historia–cultura-nordestina__696620

Programa:

19h – Apresentação cultural.

19h30min – Abertura do evento, com as presenças de Paulo Brito, filho do Coronel João Bezerra e de D. Cyra Brito Bezerra; Expedita Ferreira e Vera Ferreira, filha e neta de Lampião e Maria Bonita; Eliza Dantas, filha do cangaceiro Candeeiro; Jaqueline Rodrigues, neta de Chiquinho Rodrigues; e Patricia Gastão, filha do historiador e pesquisador Paulo Gastão.

 

20h – Palestra com Vera Ferreira.

Dia 23 – Sábado

8h – Palestra “As mulheres e o Cangaço”, com João de Sousa Lima.

8h30min – Exibição do documentário “Os Últimos dias do Rei do Cangaço”, do jornalista João Marcos Carvalho, seguida de debate com os palestrantes.

14h – Palestra “O Cangaço e o turismo”, com Jairo Luiz.

14h30min – Palestra “Angico – Morte de Lampião. Uma abordagem Crítica”, com Ivanildo Silveira, seguida de debate com os palestrantes.

20h – Exibição do documentário “Angicos 80 anos depois”, de Aderbal Nogueira, seguida de debate com os palestrantes.

Dia 24 – Domingo

8h – Palestra “Maria Bonita – Período Maria Deano”, com Wanessa Campos.

8h30min – Palestra A construção da imagem pública de Lampião na imprensa entre 1922 a 1940, com Wescley Dutra.

9h – Palestra O Cangaço na Paraíba, com Bismarck Martins.

9h30min – Apresentação e entrega da Comenda Paulo Gastão aos convidados especiais e palestrantes.

10h – Encerramento.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.