“Não temos o direito de não vencer a eleição no ano que vem”, diz Serra

O governador de São Paulo, José Serra, afirmou neste sábado (17), durante seminário do PSDB em Goiânia, que o partido não tem o direito de perder a eleição presidencial do ano que vem. Serra e o governador de Minas Gerais, Aécio Neves, prometeram durante o evento que caminharão juntos na campanha de 2010. “Não temos o direito de não vencer a eleição no ano que vem”, discursou Serra.

Os dois governadores são os nomes mais cotados dentro do PSDB para a disputa da sucessão do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva. “Não sei se a decisão sobre a candidatura será amanhã ou depois, espero que saia rápido, mas saio com uma certeza absoluta que José Serra e Aécio Neves estarão juntos percorrendo esse Brasil”, garantiu o governador mineiro, durante discurso no Seminário "Emprego e Inclusão Social", promovido pela Executiva Nacional do PSDB.

Serra também prometeu união entre os tucanos e disse ter três certezas em relação a 2010. A primeira, segundo ele, é que os “candidatos a presidente não serão nem o Lula nem Fernando Henrique [Cardoso, ex-presidente da República]”.

“A segunda é que a população vai escolher alguém baseado no que essa pessoa fez e faz na vida e nas propostas que tem para o futuro do Brasil”, disse em referência ao fato de a possível candidata petista, a ministra da Casa Civil Dilma Rousseff, não ter exercido nenhum cargo eletivo. E, por fim, Serra afirmou ter a certeza de que estará junto com Aécio.

 

G1

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.