Nadja e Ludgério discutem por causa de Marcelo Weick

O deputado estadual Manoel Ludgério (PDT) informou hoje que o Conselho de Contribuintes do Estado derrubou o parecer emitido pelo então Procurador Geral do Estado, Marcelo Weick, a respeito da anistia de multas ao Moinho Dias Branco. Ludgério também contestou a intenção de oferecer uma homenagem ao atual Secretário chefe da Casa Civil do Governo. No momento da discussão, o ex-líder teria contestado a honraria, indagando: "Quem é Marcelo Weick?".

"Ele é um rapaz sério, cônscio de suas obrigações e de seus deveres. O parecer que foi dado por ele causou sim um entendimento diferenciado no próprio Conselho por 4 a 3. O parecer é apenas uma opinião, uma impressão e uma análise primeira e não é uma sentença. Querem imputar a ele uma conduta desonrosa que não vou admitir enquanto estiver nessa casa por conhecer sua moral e a forma responsável pela qual ele se conduz", declarou Nadja.

Em aparte, Manoel Ludgério negou que tenha agido de forma jocosa ao perguntar quem era Marcelo Weick. "Eu nunca tratei esse assunto de forma jocosa. Eu tenho respeito. Quanto aos questionamentos do Caso Dias Branco, estou reunindo o material e protocolando na Casa uma recomendação do Ministério Público Federal que indica ao Ministério Público da Paraíba a apuração dos fatos porque pode se tratar de um crime de servidor estadual contra a fazenda pública. Estou pedindo urgência ao Ministério Público da Paraíba", disse o pedetista.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.