Mutirão DPVat chega ao final com mais de R$ 7 milhões em acordos

O Mutirão Dpvat realizado em Campina Grande durante a Semana Nacional de Conciliação (2 a 6) foi finalizado nessa segunda-feira (16), após audiências conciliatórias envolvendo processos remanescentes. Assim, foi alcançado o montante de R$ 7.134.447,56 a serem pagos pela Seguradora Líder aos beneficiários. Das 1.469 negociações realizadas durante o esforço concentrado, 1.219 foram exitosas, o que representa um índice de 80,62% de acordos.

 
Esse resultado é devido ao trabalho que o Tribunal de Justiça da Paraíba vem desenvolvendo, por meio do Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos, de disseminar a cultura da paz e do diálogo, por meio da conciliação.
 
“Tanto o Mutirão DPVat quanto outros que já aconteceram, nos dão a certeza de que a semente que o Tribunal plantou há algum tempo está dando frutos e excelentes resultados. Advogados, empresas e jurisdicionados têm compreendido a importância da cultura da conciliação ao invés do conflito”, ressaltou o magistrado Fábio Leandro, diretor adjunto do Núcleo.
 
Nessa segunda-feira, das 145 fichas distribuídas para o evento no andar térreo do Fórum Cível de João Pessoa, foram efetivadas 112 audiências, com 73 acordos.
 
Foram responsáveis pelos acordos os juízes Fábio Leandro de Alencar, Maria das Graças Duarte e Ricardo Freitas, coordenadora e adjunto, respectivamente, do Centro de Conciliação e Mediação da Capital.
 
As audiências dos processos remanescentes foram reagendadas a pedido dos advogados, das partes e da empresa Seguradora Líder, devido a credibilidade do evento, informou o juiz Fábio Leandro.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.