Mulheres instalam Comitê Multipartidário em Campina Grande

Com as dependências da Câmara Municipal de Campina Grande lotadas, foi instalado hoje à tarde o Comitê Multipartidário de Mulheres – O Olhar Feminino na Política – na cidade Rainha da Borborema.
 
Participaram do evento bastante prestigiado dentre outras Daniella Ribeiro (PP), Ivonete Ludgério (PSB), Rossana Honorato (PSB), Vaulene Rodrigues (PPS), Sandra Marrocos (PSB), Raissa Lacerda (DEM), Maria da Luz Silva (PRP), Maristela Viana de Oliveira (PV); a ex-presidente do Poder Legislativo, Maria Lopes Barbosa, representando o ex-governador Cássio Cunha Lima; a ex-prefeita Cozete Barbosa; a prefeita de Pilar, Virgínia Veloso Borges; a vice-presidenta da UCES (União Campinense das Equipes Sociais), Maria do Socorro Silva, representando o presidente João Batista, dentre outras lideranças sociais, comunitárias, culturais, políticas, inclusive, o vereador Olímpio Oliveira; o presidente regional do Partido Progressista Enivaldo Ribeiro.
 
Os palestrantes afirmaram que as mulheres são maioria no eleitorado, mas têm que ocupar os espaços, participando do processo político e defendendo as causas femininas.
 
De acordo com a comissão organizadora, a mobilização feminina busca estimular a participação qualificada das mulheres nos Partidos Políticos, atendendo a uma expectativa social cada vez mais exigente de equidade de gênero, contribuindo para a realização de campanhas balizadas pelo princípio democrático do equilíbrio da igualdade de oportunidades e direitos.
 
No Comitê são discutidos temas como a atuação do Conselho da Mulher; a divulgação e implementação da Lei Maria da Penha, a organização de agenda conjunta do movimento de mulheres, entre outras atividades. Estão sendo realizadas reuniões e eventos nas Câmaras de Vereadores e na Assembleia Legislativa, sempre com o apoio das bancadas femininas.
 
Pretende-se acompanhar e desencadear as atividades definidas no Fórum Nacional de Instâncias de Mulheres dos Partidos Políticos, organização também suprapartidária, criada pela Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres (SEPM), da Presidência da República, onde o Comitê está representado. O Comitê Nacional Multipartidário das Mulheres existe desde 2002 com os objetivos de defender os interesses das mulheres no processo de discussão sobre a Reforma do Sistema Político-Eleitoral brasileiro, capacitar mulheres à participação qualificada nos Partidos Políticos e contribuir para campanhas eleitorais bem-sucedidas.
 
Na Câmara dos Deputados a representação de mulheres é de apenas 9%, enquanto que, na Argentina essa representação chega a 40%. O Brasil nesse campo só perde para a Colômbia e para a Namíbia. A participação política das mulheres no Brasil vem se ampliando desde a conquista do direito ao voto em 1933, na eleição para a Assembléia Nacional Constituinte, quando pela primeira vez a mulher brasileira votou e foi votada.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.