MP encaminha resultado de sindicância à Secretaria de Direitos Humanos

O Ministério Público da Paraíba, através da Promotoria da Criança e do Adolescente de Campina Grande, encaminhou à Ouvidoria da Secretaria Nacional de Direitos Humanos a conclusão da sindicância do 2º Batalhão de Polícia Militar sobre denúncia de que agressões físicas e psicológicas teriam sido supostamente cometidas por policiais militares da Força Tática do 2º Batalhão contra crianças. A sindicância concluiu pelo arquivamento do caso.

A denúncia foi realizada através do Disque 100 e encaminhada ao Ministério Público pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência. De acordo com a denúncia, no dia 19 de novembro de 2012, por volta das 20h, uma criança teria sido agredida fisicamente por policiais da Força Tática e quatro crianças sofreram agressões psicológicas na casa das vítimas.

De acordo com relatório encaminhado pela PM ao promotor de Justiça Herbert Targino, as supostas vítimas não reconheceram qualquer dos policiais militares escalados nas equipes de policiamento ostensivo da Força Tática do dia 19 de novembro de 2012, por isso a corregedoria setorial da PM concluiu a sindicância pelo arquivamento.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.