Ministro insinua que parlamentar é “corno” e acaba demitido

O ministro português da Economia, Manuel Pinho, pediu demissão nesta quinta-feira, após fazer um gesto com os dedos para um parlamentar da oposição simulando chifres.

"O ministro Pinho apresentou sua demissão e eu a aceitei", declarou à imprensa o primeiro-ministro português, José Sócrates.

Durante um debate sobre o estado da Nação, Pinho reagiu à interpelação de um parlamentar do bloco de esquerda colocando os dedos indicadores na testa, simulando chifres, e as imagens foram captadas pela imprensa.

"Nada justifica este gesto. É inadmissível e não deveria ter ocorrido", disse Sócrates, que nomeou Fernando Teixeira dos Santos para a pasta da Economia.

 

O Dia

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.