Mesmo com UTIs lotadas, festa com 50 pessoas só termina com chegada da PM na Capital

A Polícia Militar pôs fim a uma festa que acontecia no bairro Jardim São Paulo, na zona sul de João Pessoa, na madrugada deste domingo (7). No evento, que violava os decretos governamentais estabelecidos para reduzir a disseminação do novo coronavírus na paraíba, foram abordadas cerca de 50 pessoas, sendo três conduzidas até a delegacia. Neste sábado, 6, a Paraíba registrou 94% de ocupação em leitos da UTI na Grande João Pessoa e no Sertão. Na manhã deste domingo, 7, mais um hospital, desta vez o Metropolitano de Santa Rita, informou que dispõe de apenas um leito de enfermaria para Covid-19. Todos os demais estão ocupados.

A ação da PM se deu durante a realização da Operação Previna-se, que, sob a coordenação da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social, integra diversos órgãos, estaduais e municipais, que têm orientado e fiscalizado o cumprimento das novas medidas estabelecidas pelo último decreto publicado no fim do mês de fevereiro.

Policiais militares da Força Regional, que faziam rondas ostensivas, receberam uma denúncia sobre o evento onde encontraram a aglomeração, todos sem máscaras e consumindo bebida alcoólica. Os participantes foram abordados e foi feita a varredura do ambiente, onde foram encontradas duas porções de substância análoga à maconha e identificado o organizador do evento.

Denúncias – A população pode denunciar eventos, festas ou aglomerações através dos números de emergência 190, 193 e 197, ou do aplicativo SOS Cidadão. Os canais funcionam 24 horas por dia e o empenho de todos é primordial para a redução na curva de contágio da doença.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.