MEL comemora realização de Parada Gay com conscientização política

O presidente do Movimento do Espírito Lilás (MEL), Renan Palmeira, avaliou como positiva a realização da 13ª Parada LGBT, ocorrida na noite deste sábado, em João Pessoa. Mesmo com o circuito alterado – a concentração mudou da orla do Cabo Branco para a avenida Ruy Carneiro – o público foi às ruas e se comprometeu-se de forma mais intensa com a inserção de representantes LGBT na política.
 
“A mudança de local prejudicou um pouco, porque não tivemos como interagir com os bares da orla, mas a Parada cumpriu seu papel e proporcionou a reflexão de que somos muitos nas ruas, mas milhares nas urnas, como dizia o tema. Temos um Executivo e um Legislativo ainda muito conservadores, e precisamos de representantes comprometidos com a nossa cidadania”, disse Renan.
 
A Parada atraiu, também, muitos candidatos a deputado federal e estadual que panfletaram junto ao público do evento, apresentando-se como propostas de luta pelos direitos dos gays, lésbicas, bissexuais, transgêneros etc., e incentivando os frequentadores a votar no plebiscito que traz a seguinte pergunta: “Você é a favor de uma constituinte exclusiva e soberana sobre o sistema político?”
 
Na mesma ocasião, acontecia na orla do Cabo Branco um evento evangélico, intitulado Clama João Pessoa, mas os eventos não se cruzaram e não houve nenhum tipo de embate.
 
“Nós defendemos um estado laico. E o que é isso? Significa que não podemos ser reprimidos em função de nenhum preceito religioso. Mas, também, não temos o direito de reprimir quem queira manifestar sua fé, seja ela qual for”, disse Renan.
 
O presidente do MEL (entidade que luta pelos direitos LBGT na Paraíba) confirmou a realização de um seminário internacional em novembro, no Espaço Cultural, em que se discutirão temas como o casamento igualitário e a criminalização da homofobia, entre outros temas. O deputado federal Jean Wyllys é um dos palestrantes cogitados para o evento.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.