Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Médico é levado à delegacia depois de promover festa em condomínio de Bananeiras

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

Desde a última sexta-feira, 20, o município de Bananeiras tem sido o foco das atenções dos paraibanos graças à grande movimentação de veículos que chegaram ao local. Mas, neste domingo, 21, o médico Edvan Benevides Júnior, ex-diretor do Hospital de Trauma de João Pessoa, que promovia uma festa animada por um trio de forró no badalado condomínio “Yes, Bananas” chegou a ser conduzido à delegacia para prestar depoimento já que estava estimulando a aglomeração de pessoas, o que não é permitido durante a pandemia de coronavírus. Ele responderá por descumprimento do artigo 268 do Código Penal, que trata de infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa. A pena é detenção, de um mês a um ano, e multa. “Soubemos do fato através das redes sociais e mandamos averiguar”, confirmou o prefeito Douglas Lucena.

A promotora de Justiça Ana Maria Pordeus Gadelha informou que depois da condução do médico à delegacia de Polícia, o Ministério Público vai investigar o caso: “Isso muito me entristece porque é uma falta de consciência por parte de pessoas tidas como esclarecidas, de um bom nível cultural, intelectual e financeiro”.

Outro fato que chamou a atenção em Bananeiras foi uma grande fila de automóveis que se formou na sexta-feira quando as imagens foram compartilhadas nas redes sociais.

Já na noite de sexta-feira, 20, a fiscalização composta por agentes de trânsito e Vigilância Sanitária esteve acompanhada da Polícia Militar de Solânea comandada pelo Tenente J. Paulo após denúncia de aglomeração em um dos condomínios da cidade. Foi disponibilizado um número para o disque denúncia para a população: 99177 7675 ou 190.

A informação foi confirmada ao ParlamentoPB pelo prefeito de Bananeiras, Douglas Lucena, sem mencionar o nome do “desobediente”: “A festa foi denunciada por outros moradores e a equipe de fiscalização foi ao local e lavrou a multa. Acreditamos que essa euforia da sexta para o sábado foi por causa da chegada. Depois que as pessoas perceberam que estamos fiscalizando, a tendência é termos um São João calmo, já que todos os estabelecimentos comerciais estão fechados”, disse Douglas.

Fiscalizações e a barreira sanitária que já acontecem desde o início dos decretos, foram intensificados para que as pessoas cumpram o isolamento sociaol e possa ser contido o avanço da Covid-19 na região.

Além das festas particulares, uma outra preocupação da prefeitura neste período é o fluxo de quadriciclos: “Alguns moradores foram flagrados tentando fazer trilhas, o que também não é permitido”, alertou o prefeito.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

UEPB: uma crise democrática

Confusão continua: TRE nega ter chancelado posse de Raissa Lacerda na Câmara

Anteriores

quais-os-salarios-e-beneficios-para-todos-os-cargos-da-policia-civil-da-paraiba-concursos-2022

Operação da Polícia Civil da Paraíba prende quadrilha especializada em extorsão

Priscila e Ramonilson (1)

Baronesa lança pré-candidatura em Patos e Ramonilson fala em ‘compromisso não honrado’

PSDB candidaturas femininas

PSDB amplia bases para eleições municipais e aposta em pré-candidaturas femininas na PB

Prisão, cadeado

Polícia Civil prende investigado por participar do assassinato do tio

Polícia Civil JP

Preso foragido do Rio que manteve família refém em JP durante assalto

Furto agências bancárias

Polícia Civil e PRF prendem investigados por furto de computadores de agências bancárias na Paraíba, PE e RN

Sandra Marrocos 2

Sandra Marrocos deixa cargo no Ministério das Mulheres para assumir pré-candidatura

CMJP 2023

Agenda da Câmara esta semana tem votação da LDO, debates e entrega de honrarias

Dinheiro 2

Caixa libera abono do PIS/Pasep para nascidos em julho e agosto

João Azevêdo close

João apresenta investimentos do Governo com recursos de emendas parlamentares estaduais