Matadouro que custou quase R$ 500 mil não funciona em Pedras de Fogo

O ex-candidato a prefeito de Pedras de Fogo pelo PT, Derivaldo Romão dos Santos, mais conhecido como Dedé, denunciou hoje ao Parlamentopb que o matadouro público do Município continua sem funcionar, mesmo depois de inaugurado e de ter recebido um investimento que se aproxima dos R$ 500 mil. A queixa se junta a várias outras reclamações que o petista pretende levar ao conhecimento do Tribunal de Contas do Estado e demais autoridades competentes na apuração de eventual mal uso dos recursos públicos.

"O grupo Ribeiro da Costa pratica verdadeiros absurdos em Pedras de Fogo. Já não bastasse os gastos altíssimos com combustível e papelaria, eles ainda investem uma soma alta no matadouro e deixam a população sem o serviço, que é prestado onde não existem os mínimos cuidados com a higiene", disse Dedé.

O grupo ao qual ele faz referência, o Ribeiro da Costa, é formado por familiares do deputado federal Manoel Júnior (PSB). A tia dele, Clarice Ribeiro, é prefeita de Pedras de Fogo e derrotou Dedé na eleição.

O petista alega que durante o primeiro mandato de Clarice, foram gastos R$ 5 milhões com combustíveis adquiridos no Posto Santa Emília, de propriedade de Marcelo Ribeiro da Costa, primo de Manoel. As despesas com material de papelaria também chamam a atenção. No Magazine Virtual, a conta foi de R$ 14 mil. Já a Papelaria Soares efetuou vendas de R$ 47 mil, enquanto que a Papelaria Almeida vendeu R$ 837 mil à Prefeitura administrada por Clarice Ribeiro.

Os três empreendimentos pertencem a pessoas ligadas à administração municipal. A Papelaria Soares pertence a Fábio Carlos Soares de Almeida, sobrinho do vice-prefeito Sérgio Figueireido Soares. O Magazine Virtual é de Maria Josélia de Oliveira Lima, cunhada de Sérgio e a Papelaria Almeida tem como dono José Figueiredo Soares, irmão do vice-prefeito.

"Os números estão todos no Sagres. São de domínio público. Eles mostram que há um claro beneficiamento aos parentes da prefeita, do vice e do deputado Manoel Júnior", arrematou Dedé.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.