Marie Fredriksson, vocalista do Roxette, morre aos 61 anos

A cantora sueca Marie Fredriksson, vocalista da dupla Roxette, morreu nesta terça-feira (9) aos 61 anos, informou seu empresário. Em nota, ele disse que a artista enfrentou “17 anos de uma longa batalha contra o câncer”.

Per Gessle, também integrante do Roxette, lamentou a morte de Marie em uma mensagem publicada nas redes sociais. “Não tanto tempo atrás, passávamos dias e noites em meu pequeno apartamento compartilhando sonhos impossíveis. Estou honrado e ter compartilhado seu talento e generosidade. As coisas nunca mais serão as mesmas”, lamentou o cantor.

Marie nasceu em 30 de maio de 1958, na Suécia, e iniciou sua carreira musical quando se tornou amiga de seu então futuro companheiro de banda no Roxette, Per Gessle.

Em 1984, ela iniciou carreira solo e, dois anos depois, uniu-se a Per para a formação do grupo.

Ao longo dos anos, o Roxette lançou hits como “Listen to your heart”, “It must have been love”, “Joyride”, “Dressed for success”, “How do you do!”, “Sleeping in my car”, “Dangerous” e “Fading like a flower”.

Em 2002, Marie foi diagnosticada com um severo câncer no cérebro e passou por um longo tratamento. Em 2009, a cantora fez uma volta gradual aos palcos, seguindo com seus compromissos musicais e encontros com fãs até 2016, quando os médicos lhe pediram para interromper a turnê e se dedicar aos cuidados com a saúde.

Marie era casada com Mikael Bolyos e tinha dois filhos, Josefin e Oscar. Segundo o comunicado, a família pediu respeito neste momento de dor. O funeral da cantora será reservado apenas a familiares próximos.

Com G1

Comentários