Maranhão anuncia que Banco do Brasil terá folha do Estado

O governador da Paraíba, José Maranhão (PMDB), disse hoje em Campina Grande que estão na fase final as negociações mantidas com a direção do Banco do Brasil para mudar a folha de pagamento do Estado para aquela instituição bancária. Apesar disso, Maranhão não definiu a data em que os servidores públicos estaduais receberão seus salários pelo BB e nem infirmou a cifra que envolveu a venda da folha.

As negociações com o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal tiveram início no início de março, poucos dias depois de José Maranhão chegar ao Governo. À época, ele entrou em contato com o Banco Real, que ofereceu R$ 20 milhões para continuar gerindo a folha do Governo do Estado. Em contraponto, a Caixa Econômica fez uma proposta de R$ 205 milhões, que teria sido superada pelo Banco do Brasil.

O Governador instituiu no início de março uma comissão especial para estudar as cláusulas contratuais e verificar se o laço com o Banco Real era viável. Foram incumbidos da tarefa o procurador geral do Estado, Marcelo Weick, como presidente, tendo como membros os secretários José Ricardo Porto e Antônio Fernandes (Administração/Planejamento).

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.