Máquinas destroem pista do Aeroclube; presidente recorre a Ministro

A Prefeitura de João Pessoa encaminhou quatro máquinas ao Aeroclube da Paraíba na noite de hoje para destruir a pista. A providência foi tomada depois que o juiz João Batista de Vasconcelos, da 7ª Vara da Fazenda Pública, acatou o pedido do Município e deu à Prefeitura a posse do equipamento. Junto com as máquinas, seguiram o Secretário de Desenvolvimento Urbano Municipal, Lucius Fabiani, policiais militares e homens da Guarda Municipal.

O secretário Lucius Fabiani explicou que a destruição da pista ocorreu para "marcar" a posse da Prefeitura. Os pilotos e donos de aeronaves protestaram e disseram que teria bastado interditar o local, sem dano ao patrimônio. Cerca de 60 pessoas permaneciam em frente ao Aeroclube por volta das 20h30 de hoje.

O presidente do Aeroclube da Paraíba, Rômulo Carvalho, que está em Brasília, se dirigiu ao Ministério da Defesa e solicitou ao ministro Nelson Jobim que intermediasse a concessão de uma liminar para reverter a desapropriação do equipamento determinada e o consequente recapeamento da pista, sem a qual as aeronaves não poderão deixar a área.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.