Manoel Ludgério admite deixar o PDT, mas mantém dobradinha com Damião

Cláudia Carvalho

O deputado estadual Manoel Ludgério (PDT) informou ao Parlamentopb que tem considerado com ênfase a possibilidade de desfiliar-se do PDT. O motivo é a possibilidade da legenda passar a compor o arco de alianças do governador José Maranhão (PMDB) rumo à reeleição. Ludgério, que é líder de Oposição, afirma que não há condições de permanecer na sigla caso os pedetistas se componham com Maranhão.

"Se isso acontecer, vou formalizar o meu pedido de desfiliação de forma justificada. Fui líder do Governo na gestão de Cássio Cunha Lima, agora sou líder de Oposição e não posso acompanhar o PDT. O que eu iria justificar à Paraíba?", indagou Ludgério.

Ele, contudo, garantiu que mesmo deixando o PDT, pretende manter a dobradinha com o deputado federal Damião Feliciano em alguns municípios da Paraíba.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.