Manoel Júnior nega ter feito pressão para disputar o Senado

A assessoria do deputado federal Manoel Júnior (PMDB) divulgou hoje à tarde uma nota na qual o parlamentar nega ter pressionado seu partido para ser confirmado como um dos candidatos ao Senado. No texto, ele diz que apenas disponibilizou seu nome "com o intuito de somar forças visando a disputa majoritária".

Confira a íntegra da nota:

"Diante de recentes notícias publicadas na mídia, sobre suposta pressão para concorrer ao cargo de Senador da República pela Paraíba, o deputado federal Manoel Junior (PMDB-PB) esclarece que em momento algum exerceu pressão, estabeleceu prazo ou condicionou nada ao PMDB para ser pré-candidato ao Senado Federal.

O deputado aproveita para agradecer ao povo paraibano pelo resultado das pesquisas e afirma que os números refletem o reconhecimento do trabalho que tem sido feito em defesa da Paraíba na Câmara dos Deputados.

Manoel Junior lembra que somente colocou seu nome à disposição do partido com o intuito de somar forças visando à disputa majoritária, principalmente no que se refere à reeleição do governador José Maranhão. Para o parlamentar, será o PMDB, de forma democrática, que vai analisar quais são as melhores opções para a Paraíba, no momento em que julgar ser conveniente".

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.