Manifestante joga sapato contra vereador na câmara de Dourados

A polícia teve que intervir nesta quinta-feira (9) para livrar os vereadores da Câmara Municipal de Dourados, no Mato Grosso do Sul, de um tumulto generalizado. A confusão aconteceu durante a primeira sessão após as denúncias de corrupção contra políticos do município. Nove vereadores haviam sido presos pela Polícia Federal, mas, dentre eles, seis já foram liberados na segunda-feira.

O vereador Aurélio Bonatto (PDT) levou uma sapatada na testa e ficou ferido durante a reunião. Em seguida, moedas eram atiradas sobre os vereadores pelos populares que lotaram o plenário, sob gritos de protestos contra a corrupção.

A polícia teve que intervir nesta quinta-feira (9) para livrar os vereadores da Câmara Municipal de Dourados, no Mato Grosso do Sul, de um tumulto generalizado. A confusão aconteceu durante a primeira sessão após as denúncias de corrupção contra políticos do município. Nove vereadores haviam sido presos pela Polícia Federal, mas, dentre eles, seis já foram liberados na segunda-feira.

O vereador Aurélio Bonatto (PDT) levou uma sapatada na testa e ficou ferido durante a reunião. Em seguida, moedas eram atiradas sobre os vereadores pelos populares que lotaram o plenário, sob gritos de protestos contra a corrupção.

 

G1

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.