Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Lula indica presidente da Fundação Sarney ao TRE

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O presidente da Fundação José Sarney, o advogado José Carlos Sousa Silva, foi anunciado como o mais novo titular do TRE (Tribunal Regional Eleitoral) do Maranhão, em escolha do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Sousa Silva também advoga para o grupo Mirante de comunicação, que controla rádios, televisão e o jornal de propriedade da família Sarney.

Seu nome, anunciado anteontem, foi escolhido entre três indicados ao gabinete da Presidência da República pelo Tribunal de Justiça do Maranhão. A decisão de Lula foi publicada no "Diário Oficial da União" da última quarta-feira.

Concorriam ao cargo Guilherme Zagalo, vice-presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil), e Magno Morais, que foi secretário-adjunto no governo de José Reinaldo Tavares. Ambos são militantes dos direitos humanos.

O novo jurista do TRE-MA fica no cargo por dois anos, podendo ser reconduzido para outro biênio. O pagamento é de R$ 663,33 por seção. Por mês, são cerca de oito seções, número que pode dobrar em período eleitoral, segundo o tribunal.

Sousa Silva, 64, afirmou que sua ligação com a família Sarney não tem nenhuma influência sobre a nomeação. "Fui jurista do mesmo tribunal na época do presidente Figueiredo [1979-1985] e nos últimos dois anos estive como suplente. Não tem nada disso [indicação de Sarney]", afirmou.

A Folha procurou o gabinete do senador José Sarney (PMDB-AP), que disse por meio da assessoria que não comentaria a decisão.

O candidato derrotado Guilherme Zagalo, que disse ter entrado na disputa justamente para evitar uma nomeação dirigida, criticou o processo. "Pode ser aperfeiçoado [a forma de escolha] e não condiz com a importância do cargo de juiz eleitoral, ainda que temporário. Pode haver direcionamento sim", afirmou.

O advogado escolhido disse que seu mandato na fundação termina em novembro. Na última terça-feira, o próprio Sarney confirmou a iminente extinção da instituição por falta de apoio financeiro após denúncias de desvio de verba.

Há na Assembleia do Estado, porém, um grupo pró-Sarney que trabalha por um projeto que manteria a fundação ativa, mantida com verba pública.

O deputado Francisco Gomes (DEM), líder do governo Roseana Sarney na Casa, declarou em plenário sua intenção de manter o projeto vivo. "Meu foco são as crianças que eram atendidas, a parte social. Sempre militei pelas pessoas daquele bairro", disse.

Folha Online

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

UEPB: uma crise democrática

Confusão continua: TRE nega ter chancelado posse de Raissa Lacerda na Câmara

Anteriores

zezo rai saia rodada luan

São João de Bananeiras tem Xand Avião, projeto A Vontade e outras atrações

gate policia militar pb

Operação prende em João Pessoa um dos criminosos mais procurados da Justiça do Amazonas

Brasília - 22.05.2023 - Foto da Fachada do Congresso Nacional, em Brasília. Foto: Antônio Cruz/ Agência Brasil

Lula classifica de insanidade proposta que equipara aborto a homicídio

reporter mauricio ferraz

Fantástico repercute desabamento no Up Garden, em João Pessoa, que deixou 44 feridos

celular FOTO Pixabay

Jovem é morto em SP após ir a encontro marcado por aplicativo

lula presidente FOTO ricardo stuckert presidencia da republica

Brasil está pronto para acordo Mercosul e União Europeia, diz Lula

janones deputado FOTO renato araujo camara dos deputados

STF tem maioria para tornar Janones réu por postagens contra Bolsonaro

carretas pegam fogo br101 mamanguape 140624

Carreta que pegou fogo na PB continua na rodovia, parcialmente interditada, e motorista morre no hospital

henrique e juliano FOTO insta

Henrique e Juliano se apresentam no São João de Campina Grande, neste sábado

mega sena FOTO rafael neddermeyer agencia brasil

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio acumulado em R$ 47 milhões