Luiz Couto diz que tinha acordo para gravar guia independente

O deputado federal Luiz Couto (PT) acusou hoje o presidente de seu partido, Rodrigo Soares, de mentir sobre a justificativa para não incluir sua inserção no guia eleitoral que foi ao ar ontem. Couto, que diz ter sido retaliado pela direção do partido, afirma que tinha um acordo com o PT paraibano e teria avisado sobre a produção, separada, de seu guia eleitoral, usando imagem apenas da presidenciável Dilma Rousseff.

Informado sobre a explicação dada por Rodrigo, a respeito de sua ausência à gravação, ele foi enfático:

– Ele está mentindo. Eujá havia feito um acordo e avisado que gravaria meu material separadamente. Rodrigo já sabia. Nós produzimos nosso material e mandamos para o PT que decidiu não incluir no horário eleitoral gratuito.

Segundo o federal, as instâncias partidárias já foram acionadas para resolver o problema, mas ele não descartou ir à Justiça para assegurar seu direito de expor as propostas no horário gratuito do rádio e da televisão.

Couto, apesar de ser do PT, não vota em José Maranhão, candidato que tem Rodrigo Soares como vice. Assim, o federal não quer usar a imagem do candidato à reeleição em sua campanha.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.