Ludgério evita polêmica, mas nega ter feito proposta a Aníbal

O deputado estadual Manoel Ludgério (PDT), líder licenciado da Oposição na Assembleia Legislativa, evitou entrar na rota de colisão com o suplente Aníbal Marcolino (PSL), mas disse desconhecer a suposta proposta feita ao médico para que assumisse o mandato no legislativo estadual tendo como condição o fim das críticas ao prefeito de João Pessoa, Ricardo Coutinho.

"Não quero polemizar, mas eu desconheço qualquer orientação de Cássio Cunha Lima neste sentido. Desejo que Aníbal possa entrar na Assembleia pela porta da frente, com muita saúde e paz. Eu não fiz essa proposta, não", disse ao Parlamentopb.

O deputado passou o dia mantendo contatos políticos no Cariri do Estado e só foi encontrado no final da tarde para comentar o que Aníbal Marcolino disse hoje ter sido o estopim de sua insatisfação com o grupo Cunha Lima.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.