Lindolfo acusa Cartaxo de criar factóide com objetivo eleitoreiro

O líder do Governo na Assembleia Legislativa do Estado, Lindolfo Pires (DEM) foi contundente ao comentar hoje o requerimento apresentado pelo deputado Luciano Cartaxo (PT) convocando o governador Ricardo Coutinho (PSB) para dar explicações sobre as crises existentes entre a administração estadual e os médicos e professores. O democrata prometeu unir o bloco governista para rejeitar o requerimento assim que ele chegar ao plenário:

– Ele pode ter o número regimentalmente previsto, mas o que adianta é o voto em plenário. Vamos votar juntos e rejeitar o requerimento. Isso é um factóide criado pelo deputado com objetivo eleitoreiro. Não há necessidade de o governador comparecer à Assembleia. Vários secretários já estiveram aqui, como os titulares das Finanças, Saúde, Controladoria Geral do Estado… e os deputados já não perguntaram o que queriam? ficaram calados? Por que eles não se manifestaram sobre isso?

O líder também comentou a ameaça da oposição de obstruir a votação de matérias em plenário e disse que não teme a mobilização:

– A oposição torce pelo quanto pior melhor e a prova disso é que nunca teve um gesto de colaboração com o Governo. Acredito que a situação dos professores será resolvida até quinta-feira e a Saúde pode ter um desfecho até o final da semana.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.