Lideranças reagem a candidatos de fora e criam movimento “antiforasteiros”

A ameaça de candidaturas vindas de fora para a chapa majoritária na cidade de Bayeux em 2012 estimulou as lideranças políticas locais a se unirem na criação de um movimento que defenda os nomes de candidatos da cidade como melhor alternativa para a sucessão municipal. O movimento “100% Bayeux”  nasceu da grande repercussão que os prováveis candidatos a prefeito da cidade ganharam nas últimas semanas em toda imprensa local e estadual.

Idealizado pelo professor Reginaldo Silva, militante histórico do PT, o debate suprapartidário quer reunir os nomes mais expressivos da política de Bayeux, para discutir o projeto de governo que cada pré-candidato pretende apresentar à população para 2012.

– Essa ideia é para incentivar e estimular nossas lideranças de que devemos ter nomes da terra disputando a prefeitura. No entanto, é preciso um debate claro para entendermos o que eles têm a oferecer ao nosso povo, explicou Reginaldo.

Um dos pontos em questão diz respeito à necessidade de criação de um plano de governo e de preparo dos candidatos que precisam conhecer o cotidiano do município, seus problemas sociais e econômicos, pois só assim, conseguirão oferecer uma proposta consistente de mudança.
 
A primeira reunião já está marcada e vai ser realizada nesta sexta-feira, 26, às 20h, no Clube São Sebastião, no centro da cidade. Ainda segundo Reginaldo, todos os pretensos candidatos a prefeito, lideranças políticas e movimentos sociais que representem os anseios da população estão convidados.

– O evento é para todos, independente de partido. Queremos reunir todas as forças políticas de Bayeux, disse ele.

Entre os nomes já convidados estão o do vereador Fofinho, Cariolando, Dedeta, Célia Domiciano, Nino do PT, Gegê, Roni, Expedito Pereira, Jota Júnior, Carlos Sousa, Francisco Macedo, Renato Fabrício, Teté, Tony Cultura, Rosiene Sarinho, Domiciano Cabral, Sara Cabral, Raimundo Furtado, João Batista, Eliude Carvalho, Jarbas Coelho, Everaldo Lira e Gutemberg Cabral.

Bayeux em Foco

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.