Leonardo afirma que PSC vai indicar Marcondes para vice de Maranhão

Paulo de Pádua

O secretário de Infraestrutura do Estado, Leonardo Gadelha, deputado estadual licenciado, declarou hoje que o PSC, partido ao qual é filiado, deverá indicar o nome do pai, o deputado federal Marcondes Gadelha para compor, como pré-candidato a vice, a chapa encabeçada pelo governador José Maranhão (PMDB).

“O PSC pode e deve pleitear uma participação na majoritária. O nome do deputado Marcondes Gadelha é uma alternativa e deverá ser colocado. Mas não faremos isso como uma imposição. Temos musculatura política e o hoje somos o segundo maior partido da base do Governo”, declarou ele.

Leonardo afirmou que o arco de alianças que dá suporte à pré-candidatura de Maranhão está cada vez mais sólido e fortalecido. Ele classificou como sendo uma grande diferencial do atual Governo para os adversários o seu ímpeto desenvolvimentista. “É um governador que realiza muito. Nas suas passagens pelo Palácio da Redenção foi responsável por um número muito grande de obras. Agora, em 2010, o atual Governo projeta a reedição desse ímpeto desenvolvimentista”, assegurou.

Sobre a aliança PSB e o DEM, o secretário não quis polemizar e comentou apenas que, pelas declarações dadas ultimamente pelos Democratas, isso já era esperado. “Nós não podíamos mais tapar o sol com a peneira e deixar de considerar que uma possível reaproximação do governador Maranhão com o prefeito era extremamente difícil”, acrescentou.

Com relação às obras do Bessa, Gadelha confirmou para o primeiro semestre do próximo ano a entrega de 42 ruas no bairro, com esgotamento sanitário, drenagem e calçamento. Serão investidos no Bessa aproximadamente R$ 28 milhões.

TAGS

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.