Justiça espera liminar de Marcos Odilon, mas convoca Ednaldo para assumir

A Justiça Eleitoral encaminhou ao vereador Ednaldo Pereira (PR) um ofício convocando-o para assumir a prefeitura de Santa Rita até o final da tarde, quando expira o prazo para que a defesa do prefeito Marcos Odilon (PMDB) ajuize uma medida cautelar para permitir que o gestor, cassado no último dia 27 em decisão da juíza 2ª zona, Ana Maria Coelho Sales, permaneça no cargo até o julgamento do mérito. Caso o prazo acabe sem a apresentação da defesa de Marcos, o presidente da Câmara deverá assumir o cargo.

Ednaldo, contudo, vive um dilema e, ao receber o ofício da Justiça Eleitoral, convocou sua assessoria jurídica para analisar se deve ou não assumir a prefeitura, já que deseja ser candidato a deputado estadual. O segundo na hierarquia da Câmara é o vice-presidente, Otávio Bernardino (PPS).

Em Santa Rita, Marcos Odilon e o vice Gilvandro Inácio dos Anjos (PMDB) foram acusados por Ana Cristina Alexandre, segunda colocada nas eleições municipais, de realizarem obras públicas em período vedado pela legislação eleitoral. Em sua sentença, a juíza confirmou que teria havido excesso de obras no período após julho de 2008.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.