Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Jota Júnior diz que Pastor Américo é servidor concursado

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O prefeito de Bayeux, Jota Júnior, respondeu, através de sua assessoria, às denúncias feitas pelo presidente do Sindicato dos Servidores Municipais, Antônio Radical, sobre suposto pagamento indevido ao irmão do gestor, José Américo de Souza, o Pastor Américo. Radical declarou que a Prefeitura estaria pagando salários a Américo sem que ele desse expediente na Escola Municipal João Belarmino, no Alto da Boa Vista, onde estaria lotado.

A assessoria de Jota informou que Américo é servidor concursado desde 1995 e que ingressou no serviço público muito antes de Jota ser prefeito. Ele deixou de dar expediente na escola quando foi chamado para assumir a Secretaria de Acompanhamento da Ação Governamental, cargo que deixou no final de abril.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Exaustão, sobrecarga… por que não reconhecemos os nossos limites?

Presidente do PT é acusado de cometer etarismo contra Luiz Couto

Incidente no Restaurante Garden: entenda o que realmente aconteceu

Anteriores

joaobelga

Paraíba terá Centro de Distribuição e fábrica de esquadrias de PVC de empresa da Bélgica

Artêmio Picanço, advogado

Advogado considera “surreal” decisão da Justiça da Argentina pela prisão domiciliar de Antônio Neto; veja

Igreja Matriz de Monteiro

Polícia procura mulher suspeita de furtar dinheiro de ofertas da Igreja Matriz, de Monteiro

PF Operação Rescue

Operação da PF prende homem por armazenar imagens de abuso sexual de crianças

Concurso, freepik 1

MP recomenda retificação de edital do concurso para Guarda Civil de Santa Rita

PF operação Pombo, Objetos encontrados em casa de funcionários dos correios

PF investiga desvio de encomendas dos Correios e apreende objetos em casa de servidor

João Pessoa linda demais, secom pb

João Pessoa é destaque entre os Top 10 Destinos de Viagem para o mês de julho

Fábio Andrade, procurador-geral do Estado

Estado aprova lista de acordos diretos de precatórios com 593 propostas e R$ 78 milhões

Sérgio Moro 22

Por unanimidade, TSE rejeita cassação do mandato de Sergio Moro

Perilo Lucena, juiz

Ação alerta contra abuso e exploração sexual infantil nos festejos juninos de CG