Jorge Coelho afirma que PT nacional não tem preferência em João Pessoa

O secretário nacional de mobilização e membro da comissão de acompanhamento eleitoral da executiva nacional do Partido dos Trabalhadores, Jorge Coelho está na Paraíba para acompanhar de perto o pleito que definirá o futuro da legenda nas eleições deste ano na Capital paraibana.

 Ontem à noite, durante reunião com dirigentes do Diretório Municipal (DM) do partido em João Pessoa, Jorge desmentiu os supostos boatos de intervenção do Diretório Nacional em prol da candidatura própria, defendida pelo presidente do Diretório Estadual Rodrigo Soares, os deputados Luciano Cartaxo e Anísio Maia e simpatizantes. Segundo Coelho, o Diretório Municipal tem toda a autonomia para decidir os rumos da eleição de João Pessoa. 
 
 – O diretório nacional não tem preferência, o Diretório Municipal e filiados do PT têm toda a autonomia para definir a política municipal, a não ser que ocorra um erro muito grave, de outra forma não há possibilidade de intervenção nacional, está no estatuto, no regimento isso é boato. Vocês (Diretório Municipal) tem toda a autonomia para fazer a coisa certa. Vamos fazer a coisa certa, respeitar a democracia interna do PT.
 
Jorge disse ainda que as divergências de opiniões dentro do PT são normais e fazem parte do processo político. 
 
– Estou aqui para incentivar e conclamar a militância do PT no processo eleitoral. Nós queremos a participação maciça dos militantes. As brigas são normais no PT, estamos há 32 anos assim, fazendo política, pois política se faz com paixão e quando a coisa extravasa o coração fala mais alto. 
 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.