Joaquim Barbosa nega liminar em ação cautelar de Cássio

O ministro Joaquim Barbosa negou hoje a liminar na Ação Cautelar impetrada pelo ex-governador da Paraíba, Cássio Cunha Lima (PSDB). A informação foi dada pelo próprio tucano, através do microblog Twitter. Lá, Cássio comentou apenas: "Agora, é aguardarmos o julgamento do Recurso Extraordinário".

Para justificar seu posicionamento de rejeitar a liminar, Joaquim Barbosa lembrou a decisão do presidente do STF, Cezar Peluzo, que também negou a liminar pedida pelos advogados do candidato mais votado para o Senado pela Paraíba: "Em 4 de fevereiro de 2011. "(…) O Ministro Presidente, em 27.01.2011, indeferiu a medida liminar. Não vejo razão para alterar o entendimento externado na decisão do Ministro Presidente. (…) De todo o exposto, indefiro a medida liminar. Publique-se." 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.