Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

João participa de solenidade com Lula de assinatura de decretos que ampliam investimentos em saneamento

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O governador João Azevêdo participou, nesta quarta-feira (5), no Palácio do Planalto, em Brasília, da solenidade de assinatura de dois decretos que viabilizam investimentos no setor de saneamento no país. Os atos foram assinados pelo presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, e têm o objetivo de assegurar as condições necessárias para a universalização dos serviços até 2033.

Na oportunidade, o chefe do Executivo estadual ressaltou a importância dos decretos para o fortalecimento das companhias estaduais de Água e Esgotos. “As nossas companhias ficarão mais competitivas. A busca pela universalização é uma luta de todos nós porque é uma ação que resulta em saúde e qualidade de vida para as pessoas e no nosso estado a Cagepa tem desenvolvido um grande trabalho, se destacando em nível nacional pelos seus resultados, contribuindo para o desenvolvimento da Paraíba e seguirá com essa missão, uma empresa pública, servindo ao nosso povo, agora, com o apoio do governo federal para a atração de novos investimentos”, frisou.

O presidente Lula destacou em seu discurso a importância da união entre os entes federados para a construção conjunta de soluções para os desafios que o Brasil enfrenta.  “Não é possível governar o Brasil sem levar em conta a existência dos estados e municípios. Essa é a segunda reunião que fazemos com os governadores e outras mais vão acontecer porque devemos deixar como legado a capacidade que a gente teve de fazer o bem para as pessoas que mais precisam no país, e saneamento básico é cuidar da saúde e resolver um problema crônico do Brasil. Para isso, vamos contar com o BNDES, o BNB, o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal. O sucesso dessa política depende de nós e agradeço aos governadores pela construção dessa parceria”, declarou.

Novos decretos – As novas regras visam garantir o abastecimento de água, esgotamento sanitário, limpeza urbana, manejo dos resíduos sólidos, drenagem e manejo das águas pluviais de forma adequada à saúde pública e à proteção do meio ambiente. As mudanças promovidas pelos novos decretos vão permitir investimentos de R$ 120 bilhões até 2033 e o fim do limite de 25% para a realização de Parcerias Público-Privadas (PPP) pelos estados.

O vice-presidente da República, Geraldo Alckmin, ministros de Estado, a exemplo de Rui Costa (Casa Civil), Fernando Haddad (Fazenda), Jader Filho (Cidades) e Marina Silva (Meio Ambiente e Mudança do Clima), além de governadores dos demais estados do país e dirigentes de empresas estaduais de Água e Esgotos estiveram presentes à solenidade.

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Banco do Nordeste nomeia novo superintendente na Paraíba

Prefeito paraibano fala de “infelicidade” de ter filhos autistas e servidora acrescenta: “São doidos”

Anteriores

imagem_2024-06-25_131911480-2

Juiz suspende reunião do PSOL que decidiria pelo apoio a Cartaxo

prefeito

Opinião: Atriz atua e não substitui responsabilidade social de gestor

onibus

Ônibus colide com poste no bairro dos Bancários, em João Pessoa

concurso-policial-penal

MPPB, secretarias e sindicato deliberam sobre concurso para policial penal

banheiro

Suspeito de estuprar mulher durante festa de São João em Santa Rita é preso nesta segunda

Dinheiro muito

Prazo para 16 ganhadores do Nota Cidadã resgatarem R$ 40 mil em prêmios termina dia 20

João Almeida, foto divulgação

Ex-vereador João Almeida está internado após cirurgia cardíaca

Programa Justiça 4.0

Programa Justiça 4.0 abre 35 vagas de trabalho

INSS na Paraíba

Servidores do INSS na Paraíba entram em greve por tempo indeterminado a partir desta terça-feira

Celso Batista e Luciano Cartaxo

PSOL decide hoje se mantém pré-candidatura de Celso Batista ou apoia Luciano Cartaxo