João nega ligação com Maranhão, mas evita polêmica com Ricardo

O deputado estadual João Gonçalves, líder do PSDB na Assembleia Legislativa, respondeu hoje às críticas feitas a ele pelo suplente de deputado Ricardo Barbosa (PSDB). Ele negou que tenha recebido orientação política do governador do Estado, José Maranhão (PMDB) e acrescentou que, quando votou a favor das matérias encaminhadas pelo executivo, foi seguido pelos demais companheiros de bancada:

"Eu não sigo orientação do governador, mas não vou deixar de votar a favor das matérias que são de interesse da população do Estado. Do jeito que eu votei, os demais colegas também votaram. Acho que a Paraíba não está interessada em briga, mas em geração de emprego, em melhorias na saúde e em novos hospitais. Se o Governo quiser fazer isso, eu vou aprovar", disse João Gonçalves.

Dizendo estar tranquilo e "com Deus no coração", ele evitou entrar na polêmica iniciada por seu colega e alegou que não participou com perguntas da audiência pública que ouviu o ex-procurador Geral do Estado, Marcelo Weick, para não ser redundante:

"O deputado Lindolfo Pires já havia perguntado várias coisas. Manoel Ludgério também. Fizeram mais de 50 perguntas. Eu não participei para não ser redundante. Eu ia perguntar mais o que?", resumiu.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.