João Henrique diz que apoio a Ricardo Coutinho não é critério na AL

O atual vice-presidente da Assembléia Legislativa da Paraíba, deputado João Henrique (DEM), disse em entrevista na manhã de hoje que está disposto a concorrer à reeleição para o cargo de vice-presidente, mas que ainda está em fase de discussões e prefere aguardar as negociações para só então se posicionar.
 
– Eu pretendo realmente voltar na próxima legislatura como primeiro vice-presidente da casa de Epitácio Pessoa. Acho justo e legítimo esse posicionamento, mas vamos aguardar.
 
Ao ser questionado sobre a eleição para o presidente e a possível cabeça de chapa ser o deputado Ricardo Marcelo ele desconversou e disse que qualquer um dos deputados poderá ocupar essa vaga. Mas, adicionou que discorda do que disse o deputado Lindolfo Pires sobre o voto em Ricardo Coutinho ser pré-requisito para encabeçar a chapa.
 
 – Estamos conversando e formatando opiniões. Somente em janeiro esse processo será concluído. Tem aí 36 deputados e Ricardo Marcelo é um deles, qualquer um dos 36 pode ser o presidente. Quanto ao entendimento do deputado Lindolfo, respeito o entendimento dele, mas não é por aí, outros critérios serão verificados, estudados, seguidos para que daí possamos achar a saída aqui mesmo no âmbito da Assembléia Legislativa.
 
O democrata também defendeu o nome de Efraim Morais (DEM), para compor o primeiro escalão do futuro governo de Ricardo Coutinho (PSB).
 
– Efraim Morais foi um dos principais colaboradores, articuladores e por que não dizer, responsáveis maior pela candidatura exitosa do governador Ricardo Coutinho. Então, nada mais justo do que ele também participar do governo. Esse é o pensamento de todos nós Democratas.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.