João Azevêdo e Aena discutem investimentos para aeroportos da Paraíba

O governador João Azevêdo se reuniu, nesta segunda-feira (14), em João Pessoa, com o presidente da Aena Brasil, Fernando Santiago Yus, ocasião em que foi apresentado o plano de investimento da empresa nos aeroportos Castro Pinto, na Grande João Pessoa, e Presidente João Suassuna, em Campina Grande.

Para o aeroporto Castro Pinto estão previstas melhorias no terminal de passageiros, pontes de embarque, sistema de inspeção de bagagens, pátio, nivelamento de faixa preparada, áreas de segurança e recuperação de pavimentação. No aeroporto Presidente João Suassuna, a empresa prevê investimentos no terminal de passageiros, estacionamento, táxi, pátio, área de segurança e recuperação de faixa preparada. As obras devem ser iniciadas no final do ano e concluídas até 2023.

Na reunião, o governador João Azevêdo destacou os níveis de investimentos e a atração de negócios viabilizados pela gestão estadual que irão potencializar a geração de emprego e renda. “Nós anunciamos a instalação da maior fábrica de painéis solares da América Latina na Paraíba, temos atraído grandes Centros de Distribuição em virtude da nossa logística de transporte e da nossa localização estratégica, e o Polo Turístico Cabo Branco irá impactar diretamente no movimento dos aeroportos”, frisou.

Ele também ressaltou os investimentos que serão realizados para a construção do novo aeroporto de Patos, no Sertão da Paraíba, onde serão injetados mais de R$ 35 milhões. “Será uma excelente estrutura e já anunciamos um voo da Azul, que iniciará sua operação em agosto”, acrescentou.

O gestor ainda evidenciou os esforços do governo para manter o equilíbrio da gestão fiscal do estado. “Na última semana, a gestão fiscal do estado foi reconhecida pela STN com o rating A e pela agência Standard & Poor’s Financial Services com o rating AA+. Também tivemos o pedido de empréstimo aprovado pelo Senado Federal e mantemos investimentos em infraestrutura rodoviária, garantindo o desenvolvimento da Paraíba, apesar dos momentos difíceis provocados pela pandemia”, concluiu.

O secretário da Infraestrutura, dos Recursos Hídricos e do Meio Ambiente, Deusdete Queiroga, e o secretário executivo do Turismo e do Desenvolvimento Econômico, Gilson Lira, acompanharam a reunião.

 

 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.