Irregularidades levam a inquérito contra prestadora de serviço à Energisa

O Ministério Público do Trabalho na Paraíba decidiu instaurar inquérito civil para apurar denúncias de irregularidades contra a empresa Control Construções LTDA., que presta serviços à Energisa. As denúncias apontam para o excesso de jornada de trabalho, falta de pagamento de horas extras, registro de empregados, entre outras.

A Control atua nos municípios de Monteiro, Guarabira, Juazeirinho, Picuí, Esperança, Aroeiras e Boqueirão, através de contratos assinados com a Energisa. No total, a empresa disponibiliza 133 empregados para a concessionária de energia elétrica, sendo 20 lotados na sede e os demais no interior do Estado. A maioria dos empregados exerce a função de auxiliar de eletricista e leiturista dos relógios de consumo de energia.

Segundo a procuradora do Trabalho Helena Duarte Camelo, as diligências investigatórias realizadas pela Superintendência do Ministério do Trabalho e Emprego na Paraíba não esclareceram suficientemente o integral teor dos fatos denunciados. O relatório da ação fiscal realizada resume-se à cidade de João Pessoa, ficando de fora os demais municípios onde a Control atua.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.