Integração Metropolitana é estendida a Alhandra

O prefeito Ricardo Coutinho participou hoje, Dia do Trabalhador, da implantação do sistema de Integração Temporal Metropolitana na cidade de Alhandra. A estimativa é que o novo serviço de transporte público possa beneficiar 250 mil usuários de João Pessoa, Bayeux, Santa Rita, Cabedelo, Conde e Alhandra, já no primeiro mês de implantação. A partir de hoje, os usuários dos municípios interligados pagam apenas 50% do valor da segunda passagem.

Apesar do município de Alhandra não fazer parte da área metropolitana da Capital, Ricardo Coutinho, incluiu a cidade no projeto por entender a necessidade da população e o alto custo que representava a locomoção entre as cidades. “Hoje é um dia muito feliz, porque através das parcerias, independentes de limites de municípios, podemos beneficiar a população. O dinheiro é construído com o suor do povo e é para ele que deve retornar, através de ações que garantam uma melhor qualidade de vida para as pessoas”, ressaltou o prefeito da Capital.

O prefeito de Alhandra, Renato Mendes (DEM), agradeceu a iniciativa da prefeitura na realização do projeto de melhoria do transporte público. “Observamos que Ricardo atua pensando na necessidades daqueles que mais precisam da ação do poder público e em um futuro mais próspero para os mais humildes. Agradeço essa oportunidade de parceria que será muito importante para a nossa cidade”, disse Manuel.

Já para moradora da cidade de Alhandra, Neidja Nunes, a Integração Temporal Metropolitana significa economia de verdade na renda de sua família. “Muita coisa vai mudar e para melhor. Antes, para ir e voltar do centro de João Pessoa a gente gastava R$ 10 e se quisesse ir na praia ficava em mais de R$ 15, era muito caro. Agora eu posso ir para lá gastando menos e sobrando um dinheirinho a mais dentro de casa. Hoje é dia de festa”, comemorou.

Marco – Ricardo Coutinho entende que o sistema representa um momento histórico para a Paraíba, pois caracteriza a democratização do acesso ao emprego. "E não só os trabalhadores serão beneficiados, mas todas as pessoas que aderirem ao sistema. Agora quem mora em outra cidade não vai mais ser preterido na disputa por uma vaga de emprego, por representar mais gastos ao empregador", esclareceu o prefeito.

De acordo com ele, os municípios não podem atuar de forma isolada, mas através de parcerias para o beneficio de um todo. "Já temos a experiência exitosa da Integração e agora vamos estender esse projeto aos demais municípios que formam a região metropolitana. O dia de hoje marca que o olhar dos governantes deve seguir o olhar do interesse da população, que é dar aos cidadãos o direito de ir e vir", enfatizou Ricardo.

 

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.