Infarto causa morte de Rômulo Gouveia, que mandou mensagem às 23h21

Morreu na madrugada deste domingo, 13, no Hospital Antonio Targino, em Campina Grande, o deputado federal Rômulo Gouveia, presidente estadual do PSD da Paraíba. Ele havia sido internado no dia 7 de maio com um quadro de infecção urinária na Clínica Santa Clara e lá permaneceu por vários dias sendo medicado com antibióticos. Já em casa, sentiu-se mal e com sinais de infarto agudo do miocárdio, foi levado para o Hospital Antônio Targino. Os médicos tentaram reanimá-lo, mas sem sucesso.

Dias atrás, Rômulo conversou pelo WhatsApp com a editora do ParlamentoPB, Cláudia Carvalho, e disse que estava melhor da infecção urinária e que permanecia na Clínica para continuar o tratamento com antibióticos.

“Estou melhor, amiga. Estou apenas concluindo o ciclo dos antibióticos”, disse ele no último dia 9.

A presidente da Câmara de Campina Grande, Ivonete Ludgério e seu esposo, Manoel Ludgério, disseram que a morte de Rômulo foi uma perda irreparável: “Ele era mais que um político ou um amigo. Era um irmão. Estamos devastados com essa perda”, comentou a parlamentar no início da manhã.

Manoel chegou a conversar com Rômulo por volta das 23h20 de ontem, no que provavelmente foi um dos últimos senão o derradeiro contato telefônico mantido pelo parlamentar: “Conversamos por telefone e ele estava muito bem”, disse Ludgério.

Um dos trechos do diálogo, no WhatsApp, pode ser conferido abaixo.

O presidente da ASTRA 13, Sergio Teixeira foi um dos primeiros a emitir nota de pesar e disse que a associação lamenta profundamente o falecimento repentino do deputado federal Rômulo Gouveia! “Que Deus lhe conceda a vida eterna e conforte seus familiares!”.

A primeira parte do velório de Rômulo Gouveia será realizada na Câmara de Campina Grande, onde ele foi presidente. As homenagens do legislativo municipal da Rainha da Borborema começam ao meio-dia.

Infarto causa morte de Rômulo Gouveia, que mandou mensagem às 23h21

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.