Imprensa da Paraíba vive luto por causa da morte de Antônio Hino

O falecimento do diretor de Programação da TV Arapuan Antônio Rodrigues, mais conhecido como Antônio Hino, de 52 anos, gerou profunda comoção na imprensa paraibana. O radialista estava internado no Hospital Samaritano onde seria submetido a um procedimento cirúrgico para o qual estavam sendo solicitadas doações de sangue, mas teve seu quadro clínico piorado e morreu na noite deste sábado, 11. O médico Augusto Almeida Filho, do Hospital Samaritano, informou que Hino foi vítima de câncer.

Hino era muito querido no meio jornalístico. Pessoa humilde, foi vendedor de sanduíches naturais na praia antes de se estabelecer como radialista e produtor cultural, tendo atuado na produção do espetáculo Pastoril Profano, grande sucesso de público na capital paraibana.

O velório será iniciado às 7 horas deste domingo, 11, na Central São João Batista, no Centro de João Pessoa e o sepultamento ocorrerá às 16 horas no Cemitério do Cristo Redentor.

1 comentário

  • Sonia Paulino
    03:41

    A Paraíba toda tá enlutada e triste com a partida de nosso querido Antonio Hino. Alegre, companheiro e grande Profissional, havia chegado a hora em que Deus necessitava dele de volta a Sua Casa nos Céus. Com certeza os Anjos o receberam com Cânticos de Louvor por seu retorno a casa do Pai onde os justos descanso em paz.

Comentários