Hervázio garante que Cícero não pensa em deixar o PSDB

O vereador Hervázio Bezerra (PSDB), líder de oposição na Câmara de João Pessoa, disse no programa Bastidores, apresentado pelo Padre Albeni, na TV Master, que o senador Cícero Lucena, presidente do PSDB da Paraíba, não tem a intenção de sair da agremiação. Hervázio também acredita não existir motivo para que o senador peça desfiliação, apesar de reconhecer a delicada situação causada pela divergência de Cícero em relação à opção de Cássio Cunha Lima (PSDB) e da aliança firmada pelos tucanos com o governador eleito da Paraíba, Ricardo Coutinho (PSB):

– Eu não vejo razão alguma para que ele deixe o PSDB. Ele jamais manifestou pública ou reservadamente o interesse de deixar o PSDB. É verdade que amigos de outros partidos têm feito convites, o que é normal porque a política é a arte de somar. Isso acontece por causa da densidade eleitoral, da responsabilidade e da lealdade peculiar a Cícero. Ele é leal àquilo que ele acredita, como eu também fui. Eu disse que não votaria no candidato Ricardo Coutinho e o fiz com altivez e coragem. Eu não nasci vereador e nem vou morrer vereador, mas não poderia ir contra o que eu acreditava que seria  melhor para a Paraíba.

Apesar das rusgas entre Cícero e Cássio, Hervázio disse que o senador foi leal ao ex-governador, pedindo votos para ele na campanha deste ano. O vereador acrescentou que Cícero sofreu muito ao tomar conhecimento da composição feita entre Cássio e Ricardo Coutinho.

Hervázio ainda previu que Ricardo Coutinho deve obter maioria na Assembleia Legislativa da Paraíba. Ele considerou compreensível o aceno de aglutinação do deputado estadual João Gonçalves à base do futuro Governo.

– Acredito sinceramente que Ricardo Coutinho não terá dificuldades em conseguir a maioria na Assembleia.

Ironia – Outro assunto comentado na entrevista foi a especulação de que o governador José Maranhão (PMDB) poderia assumir um ministério na gestão da presidente eleita Dilma Rousseff. Ao tratar disso, Hervázio foi irônico:

– Se depender de Ricardo Coutinho, de Cássio Cunha Lima e de Rômulo Gouveia, Maranhão deve ser ministro – disse, para depois, acrescentar sua opinião sobre a tese – Eu acho que é importante para a Paraíba e para o Nordeste. O governador Maranhão tem serviços prestados não apenas à Paraíba, mas ao Nordeste. Torço fervorosamente para que ele seja escolhido.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.