Governo quer investir R$ 15 bilhões em banda larga até 2014

Na primeira quinzena de janeiro de 2010, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve anunciar formalmente o plano nacional de ampliação do sistema de banda larga no Brasil. Para o projeto, o governo pretende investir R$ 15 bilhões entre 2010 e 2014, segundo Hélio Costa, ministro das Comunicações.

De acordo com a Agência Brasil, o objetivo é atingir a meta de mais de 90% dos acessos à internet no serviço público e nas escolas e por pontos fixos de banda larga. O ministro disse que as empresas de telefonia devem ser responsáveis pela maior parte dos investimentos, cerca de R$ 49 bilhões. O setor público contribuiria com R$ 26 bilhões com renúncias fiscais e aportes para a infraestrutura.

Mas, segundo Costa, as empresas não possuem uma estrutura grande para o projeto. "Por essa razão estamos empenhados em encontrar uma solução que permita investimentos de R$ 15 bilhões anualmente, por cinco anos. Caso contrário, é inviável ao governo criar uma estrutura funcional para viabilizar a banda larga no país".

Hélio Costa afirmou que a estruturação da cobertura por banda larga no Brasil que deve ser realizada em cinco anos foi uma das razões para a escolha do país como sede da Copa do Mundo de 2014 e também do Rio de Janeiro para os Jogos Olímpicos de 2016. "Não há como fazer a Copa do Mundo e as Olimpíadas sem uma banda larga que funcione nos moldes da Europa e dos Estados Unidos".

Um dos desafios do projeto é oferecer o sinal banda larga ao interior do país a um preço razoável. A proposta do Ministério das Comunicações é expandir o sistema, que ainda é estudado por u comissão interministerial, e aumentar em 10 vezes a velocidade da banda larga no interior brasileiro até 2014.

 

Redação Adnews

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.