Governo anuncia investimento de R$ 285 milhões em obras em João Pessoa

O governador José Maranhão anunciou hoje, véspera do aniversário de 424 anos da cidade de João Pessoa, que as obras do Governo do Estado em execução ou projetadas para benefício da capital paraibana envolvem recursos da ordem de R$ 285 milhões. O anúncio ocorreu no programa semanal de rádio Palavra do Governador, levado ao ar em rede estadual de rádio, com geração da Rádio Tabajara.

Sobre os investimentos em benefício da população pessoense Maranhão afirmou: “Isso é uma prova do carinho, do respeito, da atenção que esse Governo tem à cidade de João Pessoa e é bom que João Pessoa saiba disto, porque este é um grande presente no seu aniversário”.

Ao falar aos paraibanos, em especial aos pessoenses, o governador fez uma síntese das principais obras que o Estado tem em execução e outras projetadas para a capital paraibana. Maranhão destacou o benefício que a cidade de João Pessoa terá com o sistema adutor Transposição Litorânea, em construção. A obra vai garantir água de qualidade por 30 anos, também para Cabedelo, Conde, Santa Rita e Bayeux. Os recursos são da ordem de R$ 125 milhões.

Maranhão afirmou que o Centro de Convenções de João Pessoa, orçado em R$ 104 milhões, vai ser construído e trata-se de uma obra de fundamental importância para o desenvolvimento do turismo local. João Pessoa se tornará competitiva também no setor de eventos.

O Governo do Estado também executa na capital obras de drenagem e pavimentação em 173 ruas de vinte e um bairros. Somente no bairro do Bessa são 42 ruas beneficiadas.  Os demais bairros são: Cidade Verde, Jardim Luna, Cruz das Armas, Jardim Planalto, Bairro dos Novais, Castelo Branco II, Cristo Redentor, Monsenhor Magno, João Paulo II, Citex, Comunidade Boa Vista, Gauchinha I e II, José Américo, Funcionários II, Colibris, Jardim Cepol, Frei Damião e Valentina de Figueiredo.

Na área da saúde o governador citou algumas das obras em João Pessoa. Reforma e ampliação do Hospital Clementino Fraga (R$ 9 milhões); reforma e ampliação do setor de radiologia do Hospital Napoleão Laureano, que não pertence ao Estado, mas presta relevantes serviços aos paraibanos. Os investimentos são em torno de R$ 1,3 milhão.

A construção da subestação de 600 KVA do Hospital Edson Ramalho, custou R$ 1,2 milhão. O Governo do Estado também melhorou o atendimento no Hospital de Emergência e Trauma, com a implantação do laboratório de análises clínicas, conserto do tomógrafo, credenciamento de serviços de apoio nas áreas de ortopedia, neurologia e clínica médica, para desafogar o hospital e restabelecer o perfil de emergência e trauma.

O governador José Maranhão ressaltou ainda que a cidade de João Pessoa ganhou, em abril passado, o Banco de Olhos, proporcionando em mais que o dobro a disponibilidade de doação de córneas no Estado.

Outra ação no Hospital de Trauma da capital foi a implantação do serviço de detecção de morte encefálica que agiliza o processo de transplantes, garantindo órgãos em condições ideais para pacientes que aguardam uma cirurgia de transplante.

Ainda na área de saúde, o governador citou a UTI Neonatal da Maternidade Frei Damião, em Cruz das Armas, e o conserto do aparelho de ultra-sonografia e colocou em funcionamento o laboratório de análises clínicas que estava desativado há anos naquela unidade de saúde. Por mês o Estado gastava cerca de R$ 30 mil com os serviços particulares.

O Hospital Infantil Arlinda Marques vai começar a operar bebês cardiopatas dentro de 30 dias. De acordo com o governador este é o primeiro passo da implantação da Rede de Cardiologia no Estado que deverá contar com a parceria do Hospital Universitário de João Pessoa, para ser referência em cirurgias de adultos.

Remédio – o Estado vem garantido medicamentos de uso contínuo para pacientes assistidos pelo Centro Especializado de Dispersação de Medicamentos Excepcionais – CEDMEX. O estoque nos últimos quatro meses aumentou de 40% para 90% e a determinação é de que não faltem medicamentos.

Educação e Cultura – A cidade de João Pessoa também ganhará o Anexo do Centro Educacional do Adolescente, com previsão de inauguração em setembro. Estão sendo aplicados R$ 1,1 milhão. O Governo está reformando, ampliando e reformando a Casa de João Pessoa e criará o Museu da Cidade – Império e República. Os recursos são de R$ 694 mil. Na reforma da Escola Estadual Borges da Fonseca o estado investe R$ 267 mil. A Escola Orlando Gomes recebe investimentos de R$ 245,7 mil. Outros R$ 249 mil estão sendo aplicados na Escola Estadual Santos Dumont. O Estado investe ainda em obras nas escolas General Wanderley, Celestin Malsac, Antonio Pessoa, Alice Carneiro, e Epitácio Pessoa. O governador anunciou ainda a recuperação da Biblioteca do Espaço Cultural José Lins do Rego, que custará R$ 681,5 mil. A sede do Iphaep está sendo recuperada com recursos no valor de R$ 111,5 mil.

Desenvolvimento Humano – Em Mangabeira, o Estado constrói o Restaurante Popular no valor de R$ 600 mil. A conclusão do Retiro e Abrigo dos Idosos envolve recursos da ordem de R$ 387 mil. A creche Maria de Fátima Navarro foi recuperada com a aplicação de R$ 153 mil.

Segurança Pública – Maranhão anunciou que o Estado vai adquirir em poucos dias 110 novas viaturas policiais que vão melhorar o policiamento na Grande João Pessoa, envolvendo recursos da ordem de R$ 10 milhões. No CIOP – Centro Integrado de Operações Policiais as melhorias estão envolvendo recursos de R$ 531 mil.

Corpo de Bombeiros – E o Corpo de Bombeiros está recebendo investimentos de R$ 3 milhões para a compra de novas viaturas (dois caminhões ABT, específicos para combate a incêndio, duas viaturas de resgate, dois Jet ski, seis equipamentos para combate a incêndio florestal, dez motocicletas para atendimento pré-hospitalar, geradores portáteis, motores de 15HT, serras elétricas, e motos-bombas

Cidadania e Justiça – A Casa da Cidadania do Bairro de Jaguaribe vai ser reaberta em poucos dias. A boa notícia foi anunciada por Maranhão, que lamentou o fechamento daquele importante equipamento que foi desativado pelo governo anterior sem qualquer atenção aos milhares de usuários de diversos bairros da capital.

Mensagem à cidade – Maranhão iniciou o programa transmitindo uma mensagem à capital paraibana que nesta quarta-feira, dia 5 de agosto completa 424 anos de fundação. “O melhor de João Pessoa é o povo pessoense, a natureza em João Pessoa é bela, a história da cidade é rica, mas o melhor que ela tem é o seu povo, que ama a natureza, que tem orgulho da sua história, e que resguarda valores como generosidade e a solidariedade”, afirmou o governador, acrescentando que se refere não só aos que nasceram na capital mas também a todos aqueles que vindos do interior, de outros Estados e até de outros países aqui se incorporaram à paisagem, à vida e sobretudo ao espírito da cidade, um espírito acolhedor, receptivo, hospitaleiro. Em João Pessoa convivem em perfeita harmonia paraibanos de todas as regiões do Estado, brasileiros dos quatro cantos do país, estrangeiros vindos de várias partes do mundo, todos irmanados pelo amor à terra pessoense, pelo respeito ao passado da cidade e pela preservação da índole solidária de seu povo. “Feliz a cidade que completa 424 anos de história, com um povo de espírito tão generoso. É este o melhor de João Pessoa, meus parabéns!”, declarou Maranhão.

Comentários

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.