Notícias de João Pessoa, paraíba, Brasil

Governo afirma que ambulâncias recolhidas serão legalizadas

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram

O Governo do Estado respondeu no início da noite às denúncias feitas por prefeitos da região do Brejo a respeito do pedido de devolução de ambulâncias que estavam a serviço da população. Segundo a informação oficial, os veículos estão sendo recolhidos seguindo uma orientação da Controladoria Geral do Estado (CGE), e por determinação do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Por isso, o Corpo de Bombeiros Militar da Paraíba está recolhendo seis ambulâncias (já foram recolhidas três) adquiridas pela instituição e repassadas pelo Governo do Estado em 2004 a prefeituras municipais. Os veículos serão regularizados e devolvidos às respectivas prefeituras.

O coronel Denis da Silva Néri, subcomandante geral do Corpo de Bombeiros, explicou que o recolhimento das ambulâncias após auditoria da CGE se dá porque foram detectadas irregularidades na forma como o governo anterior repassou os veículos para os municípios no ano de 2004. 

De acordo com o coronel Denis, é preciso que seja feito um Termo de Cessão de Uso, como determina o TCE. Este procedimento será realizado pelo Corpo de Bombeiros, que também pagará ao Detran as multas referentes a infrações cometidas pelos condutores das ambulâncias, bem como será feita a atualização do emplacamento desses veículos, que se encontra em atraso.

Outra pendência que o Corpo de Bombeiros solucionará é atender às normas da Agência Estadual de Vigilância Sanitária (Agevisa). As ambulâncias estavam circulando com desvio de função, sem obedecer ao que recomenda a Agevisa. As ambulâncias foram adquiridas pelo Fundo Especial do Corpo de Bombeiros (Funesbom). “A corporação apenas cumpriu determinação da Controladoria Geral do Estado e do Tribunal de Contas, porque os veículos foram entregues aos municípios de maneira ilegal”, concluiu o coronel Denis.
 

Tags

Leia tudo sobre o tema e siga

MAIS LIDAS

Exaustão, sobrecarga… por que não reconhecemos os nossos limites?

Presidente do PT é acusado de cometer etarismo contra Luiz Couto

Incidente no Restaurante Garden: entenda o que realmente aconteceu

Anteriores

joaobelga

Paraíba terá Centro de Distribuição e fábrica de esquadrias de PVC de empresa da Bélgica

Artêmio Picanço, advogado

Advogado considera “surreal” decisão da Justiça da Argentina pela prisão domiciliar de Antônio Neto; veja

Igreja Matriz de Monteiro

Polícia procura mulher suspeita de furtar dinheiro de ofertas da Igreja Matriz, de Monteiro

PF Operação Rescue

Operação da PF prende homem por armazenar imagens de abuso sexual de crianças

Concurso, freepik 1

MP recomenda retificação de edital do concurso para Guarda Civil de Santa Rita

PF operação Pombo, Objetos encontrados em casa de funcionários dos correios

PF investiga desvio de encomendas dos Correios e apreende objetos em casa de servidor

João Pessoa linda demais, secom pb

João Pessoa é destaque entre os Top 10 Destinos de Viagem para o mês de julho

Fábio Andrade, procurador-geral do Estado

Estado aprova lista de acordos diretos de precatórios com 593 propostas e R$ 78 milhões

Sérgio Moro 22

Por unanimidade, TSE rejeita cassação do mandato de Sergio Moro

Perilo Lucena, juiz

Ação alerta contra abuso e exploração sexual infantil nos festejos juninos de CG